24 nov 2014

Deus olha para a doação que é feita de coração

Quando você for dar algo para Deus e para alguém, não seja mesquinho, não dê da sua sobra, mas da sua essência. O Senhor olha aquilo que é feito com o coração!

“Mas a viúva, na sua pobreza, ofertou tudo quanto tinha para viver” (Lucas 21,4).

Essa passagem bela e rica de significados que Jesus nos apresenta, dando o exemplo da viúva que está no Templo, é para nos ensinar que Deus olha aquilo que é feito com o coração, enquanto, nós valorizamos as aparências. Sim, porque no Templo iam muitas pessoas ricas, que depositavam ali grandes quantias e assim por diante. Mas a pobre viúva, toda temerosa e receosa, vai depositar no Templo, de todo o coração, aquilo que, provavelmente, ela gastou toda a sua vida para conseguir. Por isso, Jesus disse que ela havia dado mais do que todos os outros; porque deu com o coração. Ela não deu a sobra, mas sim da sua essência.

Quando você for dar algo para Deus e para alguém, não seja mesquinho, não dê da sua sobra, mas a sua essência. Às vezes, nós queremos doar a nossa vida para Deus, mas chegamos a dizer: “Se sobrar tempo, eu darei!”, “Se sobrar dinheiro, eu darei!”. Assim, damos a Deus o fruto da nossa mesquinhez e não da nossa vida e do nosso trabalho.

Sabe, meus irmãos, eu não queria que nós entendêssemos que doar algo a Deus significa doar dinheiro ou não; até porque a pregação do Evangelho não pode ser presa a valores materiais, mas deve ser entendida como doar a vida ou não, doar-se por inteiro ou dar só daquilo que sobra.

Nós nunca podemos medir a bênção de Deus e a Sua presença em nossa vida a partir de cifrões, de cotações, de quantias; aliás, ninguém deveria saber o quanto nós doamos a Ele. Quando alguém doa muito ou pouco, isso nunca deve ser critério conhecido por ninguém; o mais importante é sabermos que estamos doando, seja em trabalhos, ofertas ou dízimos. Que tudo aquilo que fazemos seja feito com todo o nosso coração. Que o óbulo da viúva seja também o da nossa vida.

Digamos: “Senhor, eu estou entregando para Ti o melhor que tenho. Não estou entregando os restos da minha vida nem o que está sobrando. Estou me dando todo para Ti!”

Deixe-me dizer a você: seu tempo, seu dinheiro, suas economias, sua vida pessoal, sua vida financeira, aquilo que você faz será muito mais produtivo quanto mais despojado você for! Não estou dizendo para ninguém ser inconsequente, não estou querendo que ninguém calcule a bênção de Deus.

Eu não gostaria de saber quanto fulano e sicrano doam na sua igreja, na sua comunidade ou na sua paróquia. Mas é tão bonito ver quando a pessoa doa a sua vida, o seu coração. O que ela faz é com o coração íntegro, inteiro, sem esperar ser reconhecido nem receber nada em troca. Você pode ter a certeza de que em você está a bênção do Senhor de forma abundante.

Deus abençoe você!

Comentários

comentário(s)

↑ topo