09 nov 2015

Tenhamos zelo pela casa de Deus

Neste dia, queremos recordar de cada uma de nossas igrejas; sejam pequenas capelas, igrejas maiores ou templos em construção. Igreja é o lugar da presença de Deus, é o lugar do nosso encontro com o Senhor

“Tirai isto daqui! Não façais da casa de meu Pai uma casa de comércio!” (João 2,16).

Nós, hoje, celebramos a Dedicação da Basílica de Latrão. Quando chegamos a Roma, encontramos a sede da Igreja, a qual o Papa, na figura de Pedro, governa a Igreja que está pelo mundo inteiro.

O Papa, além de ser o chefe universal de toda a Igreja, é o bispo de Roma, aquela que é a primeira das igrejas e é considerada a mãe de todas: a Basílica de São Pedro.

Há uma basílica que tem uma importância grande para todos nós, a Basílica do Latrão, onde o Papa governa a Catedral de Roma.

Em toda a diocese existe uma Igreja Catedral, que é a mãe das outras igrejas. É por meio dela que o bispo dirige, governa e pastoreia seu rebanho. Há todo um sinal, uma tradição, uma presença sagrada quando nos recordamos das catedrais, da cadeira, do governo de cada uma de nossas igrejas.

Já que estamos nos recordando dessa Igreja Mãe, que está em Roma, a Igreja de São João do Latrão, queremos recordar de cada uma de nossas igrejas, sejam pequenas capelas, igrejas maiores ou templos em construção. Igreja é lugar da presença de Deus, é lugar do nosso encontro com o Senhor!

Às vezes, as pessoas vão às grandes igrejas, grandes catedrais e olham para as paredes, para as decorações, para as pinturas… Tudo isso tem um valor histórico; afinal de contas, são igrejas milenares. São igrejas belas, procuradas por sua beleza; entretanto, Deus está presente na mais bela igreja ou na mais simples capela, abandonada, deixada de lado.

Francisco se encontrou com Deus quando estava, justamente, numa capela abandonada, a capela de São Damião, onde o Senhor mandou reconstruí-la.

Quando entramos em qualquer igreja, templo, capela e oratório, algumas coisas são importantes de se observar. A igreja é lugar de oração; não é lugar para conversas, para simplesmente tirar fotos. Diz o Senhor: ‘Minha casa é lugar de oração!’. A igreja não é lugar de conversas fiadas, de bate-papo, de se realizar comércio ou qualquer coisa parecida. É o lugar de nos encontrarmos com Deus e mantermos nossa comunhão profunda com Ele.

Igreja é lugar da restauração, da nossa comunhão com as graças que vêm do Céu. Não podemos nos atrapalhar nem atrapalhar os outros no encontro com Deus.

A primeira igreja é cada um de nós, se quisermos ter zelo pela igreja enquanto casa de Deus, tenhamos zelo por nós, pelo que vestimos e falamos, porque a forma como nos portamos na igreja demonstra o zelo que temos pelas coisas de Deus!

Deus abençoe você!


Padre Roger Araújo

Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova. Contato: mailto:padrerogercn@gmail.com – Facebook

Comentários