24 abr 2013

Temos acolhido ou rejeitado as palavras de Jesus?

Estamos diante de uma verdade inegável. Pela última vez, Jesus visita Jerusalém e fala publicamente por ocasião da festa da Páscoa dos judeus. Clamado rei pelo povo quando entra na cidade, em alto e bom som, Jesus começa o seu discurso de identificação com o Pai do Céu, exortando a todos para que permaneçam unidos a Ele escutando e acolhendo Sua palavra, assim como Ele e o Pai são um: “Eu e o Pai somos um”.

A partir desta expressão, concluímos que entre Jesus e o Pai que O enviou há tal comunhão de vida, palavra e juízo, que ouvir e ser julgado por um é ouvir e ser julgado pelo outro.

Retomando o que João disse no prólogo, acolhê-Lo é acolher a Luz que vem de Deus. Pois Ele é a Luz do mundo, e quem crê n’Ele não permanece nas trevas, mas terá a luz da vida. É ter a vida que vem do próprio Deus. Crer em Jesus é crer em Deus Pai. Ele só fala o que o Pai mandou e ordenou que dissesse ou fizesse: “Eu não tenho falado em meu próprio nome, mas o Pai, que me enviou, é quem me ordena o que devo dizer e anunciar”.

Quero chamar a sua atenção, meu irmão, nas palavras de Jesus: “A palavra que eu falei o julgará no último dia”, ou seja, as palavras de Cristo nos haverão de julgar. O julgamento não será feito por Jesus, mas sim pela própria acolhida ou rejeição da Sua palavra.

Aproximemo-nos, acolhamos e sejamos dóceis a elas [palavras de Jesus]. Saiba que a participação – ou não – na vida eterna é opção minha e sua. Deus conta com a minha e a sua adesão na fé e com o nosso dom de amor a serviço da vida, a qual, assumida em Deus, é eterna. Quanto mais entramos em comunhão de vida, palavra e critérios com Jesus e o Seu Reino, mais compreenderemos a expressão: “Ver Jesus é ver o Pai”, e preparados estaremos para a nossa união indivisível com Cristo, no Pai e no Espírito Santo.

Padre Bantu Mendonça


Padre Roger Araújo

Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova.

https://www.facebook.com/pe.rogeraraujo/?fref=ts

Comentários

Setembro

50%

Confira a revista deste mês
Pai das Misericórdias

Pedido de Oração

Enviar
  • Aplicativo Liturgia Diária

    Com o aplicativo Liturgia Diária – Canção Nova, você confere as leituras bíblicas diárias e uma reflexão do Evangelho em texto e áudio. E mais: você ainda pode agendar um horário para estudar a palavra por meio do aplicativo.


  • Comentários