05 out 2013

O que estamos vendo e contemplando?

O que estamos vendo e contemplando? As maravilhas do Reino de Deus acontecendo no meio de nós!

“Pois eu vos digo que muitos profetas e reis quiseram ver o que estais vendo, e não puderam ver; quiseram ouvir o que estais ouvindo, e não puderam ouvir” (Lc 10,24).

Jesus em uma grande exaltação no espírito, na alma, eleva os braços ao Céu e glorifica ao Pai, o Senhor do Céu e da Terra. Porque não foi aos sábios e nem aos inteligentes deste mundo que Deus revelou os segredos do Seu Reino – mas foi aos pequeninos.

São os pequeninos, aqueles que são humildes, aqueles que têm uma alma grande para Deus, são esses que podem contemplar as belezas do Senhor.

Às vezes, inteligência demais atrapalha, não nos ajuda a entrar no essencial – que é a graça de Deus – porque podemos chegar a Deus pela razão. Mas a “razão pela razão” não contempla as maravilhas mais sublimes do Reino do Céus. É por isso que a razão precisa muito da fé.

A fé que os pequeninos têm, a fé que inclusive nossas crianças são as primeiras a ter; elas são as primeiras a nos mostrar o que é confiança. Cada criança confia cegamente no seu pai ou em sua mãe, rapidamente corre para o seu colo e se protege, se agasalha e se consola. Assim, devemos ser nós – pequeninos – com um coração cheio de fé e de confiança. Que possamos nos alegrar e nos rejubilar com a graça do Reino dos Céus!

O Reino de Deus é concebido para cada um de nós, na medida em que abrimos o nosso coração, na medida em que valorizamos as coisas d’Ele que se manifestam em nossa vida. Os discípulos voltaram alegres da pregação, porque tinham expulsado os demônios e feito prodígios em nome de Jesus. Mas o próprio Senhor diz que “a vossa alegria não é porque os demônios vos obedecem, a vossa alegria deve ser porque o vosso nome está escrito no Reino dos Céus” (cf. Lc 10,20).

Essa deve ser também a nossa alegria, porque nós contemplamos o Reino de Deus, porque o Seu Reino está no meio de nós e podemos apreciá-lo, vivê-lo, apregoá-lo; levar para que outros o conheçam. Pois muitos antes de nós, profetas, sacerdotes, desejaram ver o que nós estamos vendo e não puderam ver.

O que estamos vendo e contemplando? As maravilhas do Reino de Deus acontecendo no meio de nós; no pobre que se converte, no pecador que abandona o seu caminho errado e encontra em Deus a Salvação para sua vida.

Se você abrir os seus olhos, mas sobretudo o seu coração e contemplar com uma alma de criança o Reino dos Céus, você vai ver as maravilhas do Reino de Deus acontecer em sua vida.

Que Deus abençoe você!

:: Ouça esta reflexão no Canal Pod Homilia


Padre Roger Araújo

Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova.

https://www.facebook.com/pe.rogeraraujo/?fref=ts

Comentários