18 out 2016

Jesus faz de nós bons discípulos

Se voltamos para Cristo o nosso olhar, Ele mesmo faz de nós bons discípulos da Sua messe

“Eis que vos envio como cordeiros para o meio de lobos” (Lucas 10, 3).

 

Celebrando o evangelista São Lucas, voltamo-nos para a riqueza do Evangelho que ele mesmo nos escreveu. Um homem cheio do Espírito Santo, sensível as coisas de Deus, sensível aos mais pobres e aqueles que fizeram-se dóceis à vontade de Deus e tornaram-se discípulos e discípulas de Jesus Cristo.

O Evangelho de Lucas é para todos nós uma escola de como devemos proceder para ser um bom discípulo de Jesus.

O discípulo de Jesus é chamado, é escolhido. “Pedi ao dono da messe que mande trabalhadores para a colheita” (Lucas 10, 2). Muitos são chamados, porém poucos são escolhidos, poucos correspondem aos critérios necessários de uma seleção para ser um discípulo de Jesus.

Jesus deseja que cada um de nós estejamos em Sua escola e sejamos Seus seguidores! Para ingressar numa escola séria (pense numa escola militar, como eles selecionam seus alunos), não é que discriminam, nem que deixam pessoas de escanteio. A verdade é que para seguir aquela meta, a pessoa tem que ter, acima de tudo, disposição. E para ser um discípulo de Jesus também, pois não O seguimos para que Ele faça as nossas vontades, mas para fazermos a vontade d’Ele, para aprendermos com Ele e seguirmos os Seus passos.

O discípulo de Jesus além de ser um escolhido, é um enviado. É Jesus quem nos envia, ninguém é escolhido para ficar de braços cruzados, para dizer: “Venha Senhor o vosso Reino!”. O que recebemos é para darmos aos outros, é para levarmos e sermos missionários onde quer que estejamos.

O Senhor nos envia como cordeiros para o meio de uma geração de lobos ferozes que atacam, distorcem e, acima de tudo, perseguem a vivência do Evangelho. Por isso, para ser discípulo de Jesus é preciso deixar os costumes dos lobos ferozes da sociedade em que vivemos, para nos tornarmos bons cordeiros do Evangelho de Jesus Cristo.

O discípulo de Cristo precisa ter disposição para ser despojado, para enfrentar as intempéries da vida. Porque hora está bem, hora não está tão bem. Hora está na abundância e hora na pobreza, nas indigências e necessidades, mas a alegria, a disposição de servir ao Senhor deve ser a mesma.

O discípulo de Jesus é o mensageiro da paz, onde Ele se faz presente, leva a paz do Senhor para as famílias. É o portador da paz que vem do coração de Cristo.

Para ser um discípulo de Jesus, precisamos levar a Palavra de Deus com ardor e amor aonde quer que fomos enviados. O discípulo de Jesus não pode ser cheio de ‘coisinhas’, pelo contrário, tem que ser uma pessoa descomplicada, que simplifica as coisas e não coloca dificuldades.

O discípulo de Jesus não fica escolhendo: “Eu só como isso! Eu só faço se for assim!”. O discípulo de Jesus é simples e faz as coisas de forma simplificada e descomplicada. Afinal de contas, o que Deus faz é nos descomplicar. É verdade que temos diversas complicações na vida, mas quando nos aproximamos do Mestre, Ele é tão simples que até ficamos confusos com tanta simplicidade.

Na verdade, quem é complicado somos cada um de nós. Somos nós quem nos embaraçamos no caminho, misturamos as coisas. Somos hora lobo, hora cordeiros; estamos hora no mundo e hora em Deus.

Se miramos em Cristo e voltamos para Ele o nosso olhar, Ele mesmo faz de nós bons discípulos da Sua messe!

Deus abençoe você!


Padre Roger Araújo

Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova. Contato: padrerogercn@gmail.com – Facebook

Comentários

Setembro

50%

Confira a revista deste mês
Pai das Misericórdias

Pedido de Oração

Enviar
  • Aplicativo Liturgia Diária

    Com o aplicativo Liturgia Diária – Canção Nova, você confere as leituras bíblicas diárias e uma reflexão do Evangelho em texto e áudio. E mais: você ainda pode agendar um horário para estudar a palavra por meio do aplicativo.


  • Comentários