23 maio 2016

Faça do Reino de Deus a grande conquista da sua vida

Faça do Reino de Deus a grande conquista da sua vida e tudo mais que se empreender em fazer na vida será abençoado e bem-sucedido

Como é difícil para os ricos entrar no Reino de Deus!” (Marcos 10, 23).

 

Quem ouve, num primeiro momento, essas Palavras de Jesus, parece entender que Ele está condenando e colocando como impossibilidade o fato de os ricos se aproximarem de Deus, mas, ao contrário, Deus está dizendo que quer os ricos, os pobres, todos bem juntos a Ele.

O que Jesus está, na verdade, trazendo ao nosso coração é a realidade de que não há riqueza maior que o Reino do Céu, de que o Reino é o grande tesouro para ricos, pobres, doentes e sadios. É preciso conquistar esse Reino, assim como as pessoas trabalham para conquistar o que têm como riquezas e dinheiro, a vida, a dignidade. O Reino dos Céus também é feito de lutas e conquistas!

Por que é difícil um coração avarento, orgulhoso e ambicioso conquistar esse Reino? Porque ele é feito com desprendimento, com pessoas capazes de se desprender de si para fazer o Reino de Deus acontecer.

Não há nenhuma condenação para os ricos nem para as riquezas, mas há condenação para a ambição, porque ela tira a paz do coração humano, não permite que ele se volte para Seu Criador.

Se você quer entrar na Vida do Céu, conceda à sua vida a maior riqueza que ela pode ter: ser de Deus com o muito ou o pouco que você tem! Faça do Reino de Deus a grande conquista da sua vida e tudo mais que se empreender em fazer será abençoado e bem-sucedido!

É importante lembrar que todos os tesouros que juntamos a traça e a ferrugem corroem, mas aquilo que juntamos para a eternidade é para sempre. É preciso aplicar o coração para conquistar a maior riqueza: o Reino de Deus!

Deus abençoe você!

repensando-a-vida

Adquira em nossa Loja Virtual o livro do padre Roger


Padre Roger Araújo

Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova. Contato: mailto:padrerogercn@gmail.com – Facebook

Comentários