04 Jun 2017

Deus deseja que estejamos cheios do Espírito Santo

O anseio e a promessa de Deus para todos nós é que fiquemos cheios do Espírito Santo

“Todos ficaram cheios do Espírito Santo e começaram a falar em outras línguas, conforme o Espírito os inspirava” (Atos 2,4).

Na graça de celebrarmos, neste domingo, o Pentecostes, não fazemos apenas memória de um acontecimento passado, porque Deus é temporal, Ele se manifesta no passado, no presente e em todo o tempo. A graça que Ele concedeu ontem, Ele concede hoje e amanhã; e o desejo, o anseio e a promessa d’Ele para todos nós é que fiquemos cheios do Espírito Santo.

Não podemos nos contentar apenas com uma porção do Espírito, com uma inspiração d’Ele. É claro que é graça, maravilha e bênção, mas essa é a vontade para todos nós. É promessa de Deus que todos nós fiquemos cheios do Espírito Santo!

Para encher uma vasilha de água, não adianta ficar com a vasilha parada, pois ela não vai encher. Quando pego a talha e vou à fonte para enchê-la, a talha vai até transbordar de tanta água que entra nela. Eu preciso ir à fonte para me encher do Espírito Santo, pois a fonte está viva e presente no meio de nós.

Jesus disse: “Eu sou a Água Viva! Aquele que beber desta água do Seu interior, jorrará rios de água viva”. Ele se refere ao Espírito que Ele está prometendo a cada um de nós.

Deus quer que nós estejamos jorrando, transbordando essa graça do Espírito Santo em nossa vida. Por isso, precisamos, a cada dia da nossa vida, viver um Pentecostes, precisamos render a nossa vida na submissão do Espírito Santo.

Não deixemos a graça do Espírito ficar paralisada em nossa vida. Busquemos, oremos e nos entreguemos a Ele. A graça do Pentecostes é viva no meio de nós e os frutos que vamos colher serão muitos!

Aqueles que receberam, naquele dia, no Cenáculo, a graça do Espírito, eles falavam outras línguas. Como nós precisamos falar em novas línguas! Não é simplesmente se tornar uma pessoa poliglota – alguns têm a graça de falar várias línguas –, mas precisamos de uma linguagem nova para falarmos uns com os outros.

Como nós precisamos da linguagem do amor, do toque da graça! Precisamos da profecia, do entendimento, da ciência divina. Em tudo isso está a linguagem do amor de Deus, presente em nossa vida, senão, ela cai num marasmo, na mesmice; e a inovação, a renovação interior não acontecem.

Deus nos quer renovados, cheios e plenos do Seu Espírito. É preciso que busquemos viver, a cada dia, a plenitude da vida no Espírito.

Deus abençoe você!


Padre Roger Araújo

Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova. Contato: padrerogercn@gmail.com – Facebook

Dezembro

37%

Confira a revista deste mês
Pai das Misericórdias

Pedido de Oração

Enviar
  • Aplicativo Liturgia Diária

    Com o aplicativo Liturgia Diária – Canção Nova, você confere as leituras bíblicas diárias e uma reflexão do Evangelho em texto e áudio. E mais: você ainda pode agendar um horário para estudar a palavra por meio do aplicativo.