11 dez 2016

Cristo nos traz vida nova

Saímos da condição de pecado, de morte, para viver a vida nova em Cristo

“Ide contar a João o que estais ouvindo e vendo: os cegos recuperam a vista, os paralíticos andam, os leprosos são curados, os surdos ouvem, os mortos ressuscitam e os pobres são evangelizados” (Mateus 11,4-5).

João Batista queria saber se Jesus era o Messias ou se deveria esperar por outro. Não que João tivesse dúvidas sobre isso, pois ele sabia que Jesus era o Messias, por isso O apontou como o Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo. Mas porque tinha convicção e certeza, queria que seus discípulos tivessem a mesma certeza e convicção. Se pairava dúvidas na cabeça do povo, na cabeça de João, jamais.

Os discípulos de João Batista perguntam a Jesus se Ele era, realmente, o Messias ou se deveriam esperar por outro, mas Jesus lhes deu a chave do entendimento e da compreensão: “Ide dizer a João o que vocês estão vendo e ouvindo”.

O que estamos vendo e ouvindo? Os sinais do Reino de Deus acontecendo! Os cegos estão enxergando, os paralíticos andando, os mortos ressuscitando, os pobres sendo evangelizados e a Palavra Deus chegando e fazendo o Reino de Deus acontecer. A afirmação de quem é Jesus é pelas obras, pelos frutos e pelos testemunhos que Ele dá.

Sabe, meus irmãos, para que o mundo reconheça Deus no meio de nós, não será por meio das palavras que vamos proclamar, mas por aquilo que vamos dizer ou pelos gritos que podemos dar aqui ou acolá. São os sinais, os frutos palpáveis e as vidas transformadas [que nos mostrarão o Senhor], são aqueles que estão com a visão fechada, que não conseguem enxergar a verdade, mas abrem seus olhos, são os ouvidos serrados, que não ouvem a Palavra de Deus, mas agora se abrem para ouvi-la atentamente. São essas pessoas, que estão com a vida acabada, praticamente como mortos, sem sentido na vida, que encontram em Jesus o sentido para a vida.

São esses os sinais que manifestam o Reino de Deus no meio de nós, são esses sinais que comprovam para nós quem é o Messias!

Nossa vida deve ser a primeira prova de que o Reino de Deus está entre nós! Vida transformada, mudada, os nossos olhos se abrindo para enxergar as novas realidades, os nossos ouvidos se abrindo para escutar primeiro a Deus, para escutar o nosso irmão, o nosso próximo. É a nossa mente sendo transformada, é a nossa vida saindo da condição de pecado, da morte, para viver a vida nova em Cristo.

Na verdade, esses são os frutos, os testemunhos, é tudo aquilo que o mundo precisa ver e ouvir. Não adianta dizer ao mundo que Cristo é o Senhor, que Ele está transformando vidas. O mundo quer ver onde estão as pessoas transformadas por Cristo, onde estão os sinais de que Ele está no meio de nós.

Que nós sejamos a maior prova, não por nossas palavras, mas por aquilo que é a nossa vida na transformação que Deus realiza no meio de nós.

Deus abençoe você!

Comentários