14 dez 2010

Assuma o Senhor em sua vida e dê passos de salvação

Na liturgia da Palavra desta terça-feira, Jesus faz uma pergunta aos chefes dos sacerdotes e anciãos do povo. Sabemos que quando Cristo lança uma pergunta Ele quer abrir nos corações um caminho para que Ele possa entrar. No Evangelho de hoje o Senhor lança a questão apoiado numa parábola que só vemos em Mateus: a resposta ao chamado de Deus. O primeiro filho diz: “Não quero, mas se arrepende e vai”. O segundo filho diz: “Eu vou, Senhor, mas não vai”.

Jesus pergunta qual deles fez a vontade do pai. Com certeza, esse apelo é feito a cada um de nós nesse tempo de Advento, quando Cristo nos convoca a fazermos a vontade do Pai em tudo.

Como confirmação disso vemos na leitura do profeta Sofonias “darei aos povos, nesse tempo, lábios purificados, para que todos invoquem o nome do Senhor e lhe prestem culto em união de esforços” (Sf 3,9). O apelo de Cristo é para que todos os corações se abram e deixem que entre o Salvador. Fica claro no Evangelho que os cobradores de impostos e as prostitutas representam o primeiro filho, que não quer ir, mas se arrepende e vai, pois estes deixam as obras erradas e são batizados por João.

Reparem que o segundo filho responde com o termo “senhor”. Para lembrar que Jesus antes havia dito que nem todo o que diz “senhor, senhor” entraria no Reino de Deus, mas o que faz a vontade do Pai.

A vontade do Pai é que acolhamos Jesus Cristo, Seu Filho, com o coração aberto. Não importa a condição de pecado em que estejamos. Importa assumir Cristo em nossa vida como Senhor e Salvador e dar passos no caminho de santificação.

Que hoje, pela intercessão de São João da Cruz, renovemos nosso amor por Deus e o imitemos nos atos de caridade aos mais necessitados.

Assim seja!

Padre Donizete Heleno

Comunidade Canção Nova

Comentários