02 jul 2015

Na presença de Deus encontramos ânimo para nossa vida

O mundo pode nos dar milhões de opções para que desanimemos, mas basta Deus ser o ânimo da nossa vida para ficarmos de pé, prosseguirmos e irmos adiante!

“Jesus disse ao paralítico: ‘Coragem, filho, os teus pecados estão perdoados!’” (Mateus 9, 2).

 

Apresentaram a Jesus um paralítico deitado numa cama e o povo estava movido por uma grande fé e tamanha confiança por acreditar que Jesus poderia fazê-lo levantar e andar. Contudo, havia um drama que envolvia este paralítico: primeiramente porque ele estava desanimado, descrente, sem alento, sem gosto e sem sabor pela vida. E não é só o fato de não ter as pernas móveis para poder andar que o deixava assim.

Conhecemos muito bem pessoas paralíticas, doentes e enfermas que, muitas vezes, são mais animadas do que muitos de nós que andamos, falamos, pulamos e corremos. No caso do paralítico do Evangelho havia uma paralisia interior, havia um desânimo e um descontentamento terrível com a vida. Por isso a primeira palavra de Jesus dirigida a ele não é: “levanta”, mas é “coragem”. Coragem quer dizer ânimo, ressuscitar a alma, tomar alento e gosto pela vida, porque pode ser que tenhamos duas pernas ótimas, mas se o nosso coração e a nossa alma estiverem paralisados e anêmicos, se a nossa alma perdeu o alento pela vida, continuamos tão paralíticos ou mais do que aquele homem do Evangelho de hoje.

A Palavra de Deus é para nos encorajar e para nos levantar do desânimo que, muitas vezes, vem ao encontro da nossa alma por causa dos desalentos, das decepções, das amarguras e das frustrações encontradas por cada um de nós ao longo do caminho.

Você pode perceber que, ao longo das estradas, existem muitos espinhos, mas a vida não é constituída somente de espinhos. Ela tem flores, tem folhas, mas nós nos detemos tantas vezes no que é espinhoso, no que nos machuca e no que nos paralisa e não no que nos levanta, nos dá ânimo e nos coloca de pé.

O mundo pode nos dar milhões de opções para que desanimemos, mas basta Deus ser o ânimo da nossa vida para ficarmos de pé, para prosseguirmos e irmos adiante!

Levanta-te! Anda! Ânimo! Coragem! Você que foi paralisado por algum mosquitinho da vida que lhe tirou o ânimo de viver! E cada um de nós que sentimos em nossa alma a visita da senhora tristeza não permitamos que ela more dentro de nós! Mandemos a tristeza para bem longe, que ela [tristeza] não faça moradia em nossa casa! Ela pode até nos visitar em certas ocasiões, mas ela não pode morar em nossa casa!

A nossa alma, o nosso coração e a nossa vida pertencem a Deus e não podemos deixar que a tristeza paralise a nossa vida!

Deus abençoe você!


Padre Roger Araújo

Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova.

.

Comentários

comentário(s)

↑ topo