21 out 2014

Estejamos sempre vigilantes e atentos às coisas de Deus

O cristão precisa ser assim: estar com os rins cingidos para não se deixar apegar a nada deste mundo, para estar sempre atento, vigilante e buscando o Senhor em primeiro lugar.

Que vossos rins estejam cingidos e as lâmpadas acesas. Sede como homens que estão esperando seu senhor voltar de uma festa de casamento, para lhe abrirem, imediatamente, a porta, logo que ele chegar e bater” (Lucas 12, 35-36).

É deste modo que os discípulos de Jesus devem viver nesta vida: em atitude de constante expectativa à espera do seu Senhor que vem. Por isso, Deus hoje mostra-nos os dois caminhos nos quais devemos trilhar e direcionar a nossa vida na expectativa do Senhor. O primeiro deles é estar com os rins cingidos. Quando o povo de Israel, o povo de Deus, ou seja, os hebreus, precisaram deixar o Egito, devido à longa escravidão, o Livro do Êxodo narra que eles estavam com um cinto sobre os rins, o que significa: nós estamos indo a caminho do Senhor, estamos deixando aquilo que nos escraviza, estamos deixando aquilo que nos prende, para irmos sempre em direção ao Senhor.

O cristão precisa ser assim: estar com os rins cingidos para não se deixar apegar a nada deste mundo, para estar sempre atento, vigilante e buscando o Senhor em primeiro lugar. Nós estamos a caminho, irmãos, estamos em busca da Jerusalém Celeste, onde o Nosso Deus nos espera! Por isso, essa atitude de não tirarmos os olhos do Senhor, de buscarmos as coisas do alto deve ser sempre a atitude do discípulo vigilante.

O segundo caminho é: o discípulo deve manter a sua lâmpada acessa. A lâmpada acessa lembra o próprio Jesus, quando nos recorda a parábola das dez virgens prudentes; elas estavam atentas, ligadas, não foram inertes.

Sabem, meus irmãos, nós temos responsabilidades sobre a nossa vida, e somos nós quem precisamos vigiar os nossos atos, o nosso comportamento e as palavras que saem de nossa boca. É uma atitude contínua, é uma conversão diária. É termos, nós mesmos, responsabilidade sobre nossa conduta e sobre o nosso comportamento.

O bom cristão, mesmo dormindo, está vigiando, e acordado não vive como se estivesse dormindo. Está mais do que atento para não se desviar da conduta, para não se desviar do bom caminho, para não ser levado pelas fraquezas e pelas tentações, para não ser desviado dos caminhos do Senhor.

Que Deus hoje coloque um cinto sobre os nossos rins para que não tiremos d’Ele o nosso olhar e que o Senhor também acenda a nossa lâmpada. Que ela não se apague e que estejamos sempre vigilantes e atentos às coisas de Deus.

Deus abençoe você!

Comentários

comentário(s)

↑ topo