28 ago 2015

Sejamos vigilantes e prudentes como o Senhor nos ensina

Sejamos vigilantes e prudentes como o Senhor nos ensina, pois, se estivermos preparados para perder, saberemos ganhar a vida eterna e cuidar da nossa alma, do nosso interior e da disposição da nossa vida para não deixar a graça de Deus passar adiante.

Portanto, ficai vigiando, pois não sabeis qual será o dia, nem a hora” (Mateus 25, 13).

A parábola muito bela, contada a nós pelo Senhor hoje, mostra-nos dez virgens, cinco delas eram prudentes e cinco não eram prudentes. Na hora em que foram se encontrar com o noivo, ou seja, na hora em que foram se encontrar com a verdade, as imprudentes ou as imprevidentes não estavam preparadas porque lhes faltou o óleo.

O noivo não as avisou a que hora chegaria, mas se elas o estivessem realmente esperando a toda hora, estariam preparadas com suas lâmpadas acesas e com o óleo para abastecer as lamparinas. O noivo passa muito rápido, quem estava preparada foi, quem não estava ficou de fora.

Sabem, meus irmãos, a Palavra de Deus hoje quer nos mostrar um outro sentido da vigilância. Quem é vigilante é prudente, é previdente, é cuidadoso e sabe prover para cada momento da sua vida o que é necessário. Não leva uma vida de qualquer jeito, não é inerte, não vive a vida como um louco.

Nós passamos, muitas vezes, por momentos difíceis na vida, vêm as crises nos visitar e passamos por doenças pelas quais não esperávamos. Não é para ninguém ficar obcecado por doenças, por crise econômica, financeira, pessoal ou de qualquer espécie. Mas é importante vivermos preparados para enfrentar os momentos difíceis e os não esperados para que saibamos lidar com eles.

Acontece que, quando os momentos difíceis chegam, parece que a loucura bate à porta. Algumas pessoas ficam simplesmente desnorteadas, perdidas, sem saber o que fazer da vida, algumas caem numa profunda depressão, outras caem numa tristeza sem nome, outras realmente perdem a direção da vida.

Precisamos estar preparados sempre, nós não precisamos buscar momentos difíceis na vida, pois eles acontecem sem que precisemos buscá-los. Mas se formos prudentes a cada tempo, faça chuva ou sol, caia a tempestade ou venha a bonança, saberemos viver a cada tempo da vida com o que temos e com aquilo que não temos!

Assim também será o nosso encontro com o Senhor, pois, se estivermos preparados para perder, saberemos ganhar a vida eterna. Se estivermos preparados com a prudência a cada dia da nossa vida, saberemos cuidar da nossa alma, do nosso interior, da disposição da nossa vida para não deixar a graça de Deus passar adiante.

Que Deus nos ensine a vigiar e a ser cuidadosos a cada momento, a zelar e a ser prudentes com o que fazemos da nossa vida, nas nossas decisões e escolhas! 

Deus abençoe você!

Comentários

comentário(s)

↑ topo