17 May 2020

Observemos e guardemos os mandamentos do Senhor

“Se me amais, guardareis os meus mandamentos, e eu rogarei ao Pai, e ele vos dará um outro Defensor, para que permaneça sempre convosco” (João 14,15).

Que beleza é a Palavra e a graça de Deus para a nossa vida! Aquele que ama a Deus guarda os mandamentos do Senhor. Sabemos que guardar é o contrário de ignorar. Porque podemos falar que amamos a Deus, mas ignoramos a Palavra d’Ele, os mandamentos e ensinamentos do Senhor, e a graça d’Ele não permanece em nós, o amor d’Ele não fica em nós, porque nós O ignoramos.

Por favor, não se lembre de Deus somente quando você necessita e está aflito. Sim, nessas horas se lembre, mas permaneça sempre n’Ele, porque, quando permanecemos em Deus, Ele nos dá a maior das dádivas: o Espírito da Verdade. O mundo não recebe esse Espírito e nem é capaz de conhecê-lo, mas ele é dado para aquele que ama a Deus. É o presente mais sublime, o dom maior do Alto, é a graça que nos tira da orfandade.

Não permanecemos órfãos, Deus não nos deixa órfãos, pelo contrário, Ele se manifesta e vem a nós, fica conosco pelo Seu Espírito porque quem acolhe os Seus mandamentos e os observa, esse sim ama a Jesus de verdade.

Dizer que ama a Jesus, qualquer pessoa pode dizer, expressar, gritar, cantar, e não é dessa forma. Talvez, aqueles que silenciosamente vivem uma vida cristã, escondida, serena, não chamem tanta atenção, mas vivem uma particularidade, uma vida laboriosa no espírito, na alma e no coração, mergulhando a sua alma em Deus, deixando ser trabalhado, direcionado, guiado e conduzido por Deus para observar os Seus mandamentos.

Quem acolhe os Seus mandamentos e os observa, esse sim ama a Jesus de verdade

No silêncio da alma e do coração, procure meditar com profundidade, serenidade e verdade se a Palavra de Deus permanece em nós. A Palavra permanece em nós quando nos dedicamos e voltamo-nos a ela, quando a buscamos, quando não vivemos à mercê dos nossos pensamentos e devaneios, das nossas inquietações, perturbações, mas quando nos deixamos guiar pelo Espírito que acalma, que tira aquela revolta que carregamos dentro de nós e nos conduz à verdade.

Permanecer em Deus é deixá-Lo nos revirar por dentro e por fora para que,assim, pareçamos cada vez mais com Ele e não tenhamos a forma, o jeito e o pensar do mundo. Sejamos sempre mais moldados pelo amor divino, pelo amor de Deus que está em nós.

Deus abençoe você!   


Padre Roger Araújo

Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova. Contato: padrerogercn@gmail.com – Facebook

Comentários

Pai das Misericórdias

Pedido de Oração

Enviar
  • Aplicativo Liturgia Diária

    Com o aplicativo Liturgia Diária – Canção Nova, você confere as leituras bíblicas diárias e uma reflexão do Evangelho em texto e áudio. E mais: você ainda pode agendar um horário para estudar a palavra por meio do aplicativo.