20 Feb 2019

Que possamos enxergar as pessoas como pessoas, e não como coisas

Quem enxerga verdadeiramente no olhar de Deus, precisa realmente enxergar o que é cada coisa

“O homem levantou os olhos e disse: ‘Estou vendo os homens. Eles parecem árvores que andam’. Então, Jesus voltou a pôr as mãos sobre os olhos dele e ele passou a enxergar claramente” (Marcos 8, 24-25).

Hoje, acompanhamos a chegada de Jesus à Betsaida. Ali, algumas pessoas trouxeram para Ele um cego e clamavam para que Ele o curasse. Jesus tocou em suas mãos e, depois de cuspir em seus olhos, pôs as mãos sobre ele, e perguntou: “Agora você está enxergando?”. Aquele homem respondeu: “Estou enxergando homens como se fossem árvores; são homens mas só os enxergo assim, como árvores!”.

Sabemos que a árvore é “coisa”, mesmo que seja da natureza ela é um objeto. Muitas vezes, nós parecemos enxergar, mas não enxergamos devidamente as pessoas e as coisas. Não conseguimos distinguir o que são coisas do que são pessoas, ou seja, as pessoas vemos como coisas; e coisas como pessoas.

Quem enxerga verdadeiramente no olhar de Deus, precisa realmente enxergar o que é cada coisa. Não podemos transformar o ser humano em um objeto de prazer, de valor financeiro; nem enxergar nele os meus interesses, e assim por diante.

Quando não conseguimos olhar para as pessoas com um olhar puro, significa que ainda não fomos curados da nossa cegueira. Quando Jesus tocou naquele homem, ele passou a enxergar, a ver; mas ainda não enxergava de forma correta. Por isso, Jesus precisou mergulhar novamente na graça para tocar nos olhos daquele homem, para que passasse a enxergar claramente.

Deus quer que enxerguemos de maneira clara. Ainda que fisicamente possamos ter alguma deficiência na nossa visão, a interior precisa estar toda iluminada com o olhar da graça. Então, iremos parar de fazer distinção de pessoas, parar de rotular seres humanos; parar de “coisificar” as pessoas, e parar de transformar coisas em pessoas.

O olhar da graça de Deus em nós, dá-nos a graça de vermos cada coisa em seu lugar e a graça de enxergarmos, com clareza, a presença de Deus onde Ele está.

Deus abençoe você!                      


Padre Roger Araújo

Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova. Contato: padrerogercn@gmail.com – Facebook

Pai das Misericórdias

Pedido de Oração

Enviar
  • Aplicativo Liturgia Diária

    Com o aplicativo Liturgia Diária – Canção Nova, você confere as leituras bíblicas diárias e uma reflexão do Evangelho em texto e áudio. E mais: você ainda pode agendar um horário para estudar a palavra por meio do aplicativo.