28 Jul 2021

O tesouro do Reino de Deus dá sentido à nossa vida

“O Reino do Céus é como um tesouro escondido no campo. Um homem o encontra e o mantém escondido. Cheio de alegria, ele vai, vende todos os seus bens e compra aquele campo” (Mateus 13,44).

É o tesouro mais precioso e mais valioso da nossa vida: o Reino dos Céus. Quem encontrou esse tesouro encontrou a vida, o sentido e a razão para sua vida.

Às vezes, vejo muitas pessoas no Reino de Deus ainda perdidas, não se encontraram, parece que não encontraram ainda o sentido da vida, não encontraram a riqueza e o tesouro maior da sua vida. Vejo as pessoas contando com tanta vantagem sobre as coisas deste mundo, sobre os tesouros deste mundo, vejo as pessoas, o tempo inteiro, falando sobre dinheiro, conquistas, sobre os bens materiais.

Faz diferença quando você chega na casa de uma pessoa transformada por Jesus. Às vezes, a pessoa te recebe com muito amor na sua casa e quer mostrar primeiro a casa, com o que ela tem de material, com que ela tem de conquistas – é fruto do trabalho e do esforço – mas você percebe quando a pessoa mostra somente a coisa material por ser material.

Quem encontrou esse tesouro, encontrou a vida, o sentido e a razão para sua vida

O belo, o bonito é contemplar a riqueza espiritual da transformação. Nada contra a pessoa ter uma casa bela e arrumada, mas o mais belo é você não ver o que os olhos estão vendo, e sim aquilo que está acontecendo dentro do coração, que é a transformação interior daquela casa, daquele casal, daquela família.

Que bom se o tesouro de nossas casas e famílias não fosse mesmo as coisas materiais. Que bom se os pais entendessem que o tesouro que eles têm que dar para os seus filhos, o tesouro que têm que partilhar e compartilhar com a sua família é o Reino de Deus e a Sua Palavra.

As coisas materiais existem e passaram, mas a gente vê, muitas vezes, uma casa quando está repleta de coisas materiais e, ali, os filhos, a família está preso a essas coisas. Basta hoje um computador, um celular para a pessoa ficar presa, escravizada e não sair dali porque aquilo prende o seu coração.

“Onde está o seu tesouro, ali está o seu coração” (Mateus 6,21). Não posso acreditar que uma pessoa que passa o dia inteiro em frente à televisão encontrou realmente a razão e o sentido da sua vida. Encontrou essas coisas materiais.

Não se deixe prender, não se deixe iludir, não se deixe enganar, porque, nós, cristãos, estamos sendo enganados pelo pensamento próspero das coisas materiais e estamos nos prendendo a essas coisas porque elas são ilusórias, atrativas e ludibriam. Inclusive, os pais estão ludibriando seus filhos com essas coisas também materiais, estão realmente fazendo com que seus olhos possam ser transformados e conquistados por coisas materiais.

Não há mais beleza numa família em se reunir para conversar, para estarem juntos, porque não podem, porque as coisas materiais não permitem os tesouros do Reino dos Céus, a convivência, a paz, a harmonia…

Cuidado com a falsa paz, onde cada um está no seu quarto trancado, em frente a um computador ou com seu celular, onde mal dá tempo de uma casa se encontrar. Vivemos tempos de muitas ilusões, o que parece ser bom não é tão bom assim. O que parece abrilhantar não tem o verdadeiro brilho.

Conquistemos o verdadeiro tesouro do Reino dos Céus, pois é ele que dá sentido à nossa vida.

Deus abençoe você!


Padre Roger Araújo

Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova. Contato: padrerogercn@gmail.com – Facebook

Comentários

Pai das Misericórdias

Pedido de Oração

Enviar
  • Aplicativo Liturgia Diária

    Com o aplicativo Liturgia Diária – Canção Nova, você confere as leituras bíblicas diárias e uma reflexão do Evangelho em texto e áudio. E mais: você ainda pode agendar um horário para estudar a palavra por meio do aplicativo.