09 maio 2017

Seja único no coração de Deus

Seja único no coração de Deus, assuma o lugar que é seu

“As minhas ovelhas escutam a minha voz, eu as conheço e elas me seguem. Eu dou-lhes a vida eterna e elas jamais se perderão” (João 10,27-28).

As ovelhas de Jesus conhecem-No, conhecem a Sua voz. Elas podem até se perder, ferir-se, extraviar-se nos caminhos das estradas da vida, mas elas sabem onde está o seu Pastor.

Há uma sensibilidade de quem conhece o seu dono. As ovelhas se misturam no meio do caminho com outras ovelhas, todas juntas. Às vezes, o pastor está procurando suas ovelhas, mas estas, que têm ligação com seu pastor, correm para junto dele para ficarem próximas e serem cuidadas por ele. É uma alegria para a ovelha quando está no meio de tantas outras, mas sabe quem é o seu pastor!

Não nos deixemos iludir, enganar nem nos perder diante de tantas circunstâncias da vida. Não nos deixemos perder diante de tantos falsos pastores que há no mundo em que vivemos, pois para nós só há um Pastor: Jesus!

Quando a ovelha não cultiva a intimidade com seu pastor, quando não cria um elo com ele, não o reconhece. Ela fica perdida, confunde seu pastor e tantos outros que há no mundo.

Podemos nos enganar, iludirmo-nos muito, porque não cultivamos a intimidade com o nosso Pastor, porém Ele quer ser próximo de nós, está dando a Sua vida por nós, e quer que participemos inteiramente da vida d’Ele. Ele não cuida de nós apenas como cuida de todas as ovelhas, mas de cada uma de forma única, particular e singular. Temos de ter a nossa relação pessoal com Jesus, precisamos ser próximos d’Ele de forma singular.

Podemos ser mais um na multidão, mas Jesus não quer que sejamos mais um. Ele quer que nós O vejamos como Ele está nos vendo, como únicos, de forma pessoal. É dessa forma que precisamos nos voltar para Ele.

Eu sei que, muitas vezes, estou orando junto da multidão, mas me coloco diante d’Ele como pessoa, como indivíduo único e singular. Como ovelha, tenho minhas necessidades, meus sofrimentos, dramas e minhas alegrias, mas sei que sou único para Ele, assim como Ele se faz único para mim.

Seja único no coração de Deus, seja único no redil de Jesus, assuma o lugar que é seu! Aqui não é individualismo, egoísmo, orgulho, soberba ou pretensão de ser melhor que alguém. É ser aquilo que eu sou no coração de Deus. E se no coração do Senhor eu sou único, particular, preciso, de forma muito singular, dirigir-me a Ele e estar no coração d’Ele.

Deus abençoe você!


Padre Roger Araújo

Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova. Contato: mailto:padrerogercn@gmail.com – Facebook

Comentários