30 Apr 2017

Reconheçamos a presença de Jesus entre nós

Que nosso coração possa também arder com a presença maravilhosa de Jesus entre nós

“O próprio Jesus se aproximou e começou a caminhar com eles. Os discípulos, porém, estavam como que cegos, e não o reconheceram” (Lucas 24, 15-16).

A primeira verdade que queremos contemplar, neste terceiro Domingo da Páscoa, é que Jesus caminha conosco, está ao nosso lado, está no meio de nós. Mas acontece conosco, muitas vezes, aquilo que aconteceu também com os discípulos, que estavam como que cegos e não puderam ver nem reconhecer Jesus, que estava caminhando ao lado deles.

Às vezes, estamos tão cegos, atônitos com os problemas, as dificuldades e os tormentos da vida, que não reconhecemos nem mesmo a pessoa que está ao nosso lado. As pessoas, às vezes, caminham conosco, vivem conosco há tanto tempo e dizemos: “Nossa! Eu não conhecia aquela pessoa!”.

Os discípulos caminharam com Jesus, conviveram com Ele e não puderam reconhecê-Lo. Por que não puderam reconhecê-Lo? Porque estavam como que cegos.

Sabe, meus irmãos, a cegueira é uma debilidade muito séria, pois ela mantém nossos olhos vendados, fechados e velados. Não vemos a verdade que está ao nosso lado, não vemos Deus que caminha conosco, não vemos a Palavra de Deus que nos direciona. Não somos capazes de enxergar a presença amorosa d’Ele entre nós.

O remédio de Jesus, a Sua pedagogia para curar nossa cegueira, primeiro, é nos conduzir pelo caminho das Sagradas Escrituras. Só a Palavra de Deus pode abrir nossos olhos! A Palavra tem o poder de abrir nossos olhos se nos deixarmos conduzir e orientar por ela. Permitamos que a Palavra seja esse remédio que abre nossos olhos, nossa mente e compreensão, para que possamos ver Jesus presente no meio de nós.

Depois, reconheceram [os discípulos] Jesus ao partir do Pão. Agora, o modo sublime e excelente de reconhecermos a presença de Jesus entre nós é o Seu próprio Corpo e Sangue, a Eucaristia! Quantas vezes nos aproximamos dessa mesa sagrada, comemos desse Pão e bebemos desse Vinho, mas não reconhecemos Jesus! Até fazemos uma comunhão, mas não é simplesmente saber. É preciso reconhecer, encontrar-se com Ele na Eucaristia. A Palavra está sempre com a Eucaristia e não pode ser celebrada sem ela. A Eucaristia não é Eucaristia se a Palavra não for proclamada sobre ela.

A Palavra e a Eucaristia abrem nossa mente e nosso coração, para que possamos ver e reconhecer, para que nosso coração possa também arder com a presença maravilhosa de Jesus que está no meio de nós.

Deus abençoe você!

 


Padre Roger Araújo

Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova. Contato: padrerogercn@gmail.com – Facebook

Dezembro

31%

Confira a revista deste mês
Pai das Misericórdias

Pedido de Oração

Enviar
  • Aplicativo Liturgia Diária

    Com o aplicativo Liturgia Diária – Canção Nova, você confere as leituras bíblicas diárias e uma reflexão do Evangelho em texto e áudio. E mais: você ainda pode agendar um horário para estudar a palavra por meio do aplicativo.