14 out 2014

Quem deseja permanecer em Deus deve cuidar do coração

Nosso coração, muitas vezes, está cheio de maldades e de sentimentos errados. Contudo, quem quer permanecer puro diante de Deus deve priorizar cuidar do coração e do essencial!

“O Senhor disse ao fariseu: ‘Vós, fariseus, limpais o copo e o prato por fora, mas o vosso interior está cheio de roubos e maldades’” (Lucas 11, 39).

Nós já acompanhamos muitos confrontos entre os fariseus e Jesus. Eles querem colocar o Senhor em alguma dificuldade, querem confrontá-Lo e desmerecer a pregação e o ensinamento d’Ele. Porque, na verdade, aquilo que o Senhor Jesus prega, ensina e vive é um confronto ao modo de vida deles.

Aquilo que Jesus faz e realiza provoca muitos questionamentos; e nós não gostamos de ser provocados, não gostamos de ser incomodados. Nós, muitas vezes, preferimos viver do jeito que estamos e não gostamos que ninguém questione o nosso modo de viver, de pensar e de agir. É claro que essa atitude é própria de quem tem um coração orgulhoso. Com o humilde isso é diferente, pois ele se deixa questionar, deixa-se confrontar e rever sua vida, suas atitudes e seus gestos. Se não isso está bom, ele quer melhorar e, mesmo que já esteja bem, ele quer se tornar melhor ainda. Ao passo que quem está bitolado, que quem está cego e não consegue enxergar adiante, logo fica inflamado quando é questionado pelo outro.

A questão principal dos fariseus é porque eles se preocupam com as aparências, se preocupam com o que está por fora; eles se preocupam com o copo, se este foi limpo por fora, eles se preocupam com a veste, com a roupa, com a aparência, mas não cuidam do essencial, não cuidam do coração, não cuidam da mente e da vida interior. Estão cheios de zelo na forma de viver a vida, cuidando das suas vestes, de lavar as roupas, de lavar as mãos, em tudo aquilo que fazem, mas se esquecem de lavar o interior e de purificar o coração. Nem sei se posso dizer se, de fato, eles “se esquecem disso” ou se não priorizam mesmo.

Permita-me dizer a você e a mim também: nós não podemos cair neste mal! Farisaísmo é sinônimo de hipocrisia, e hipocrisia tem o sentido justamente de ver as coisas desta forma: nós nos preocupamos com a casca e não com o essencial. Nós cuidamos, muitas vezes, de nossa aparência, nos preocupamos com isso ou com aquilo, com a forma como as pessoas se comportam, se vestem e falam; como comem, como fazem isso ou aquilo, e deixamos e nos esquivamos, muitas vezes, de cuidar do nosso interior e do nosso coração.

Devemos refletir sobre isso porque nosso coração, frequentemente, está cheio de maldades, de más intenções, de sentimentos e pensamentos errados. Quem quer permanecer puro diante de Deus deve priorizar cuidar do coração, do interior e de tudo aquilo que permanece!

Deus abençoe você!


Padre Roger Araújo

Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova.

https://www.facebook.com/pe.rogeraraujo/?fref=ts

Comentários