07 abr 2015

Que nossa vida testemunhe Cristo vivo e ressuscitado

Que nossa vida testemunhe Cristo vivo e ressuscitado. Só pode testemunhar, proclamar e convencer os outros de que Jesus está vivo quem experimentou, na sua própria vida, o encontro com Ele!

Então Maria Madalena foi anunciar aos discípulos: ‘Eu vi o Senhor!’, e contou o que Jesus lhe tinha dito” (João 20, 18).

Maria Madalena é uma testemunha privilegiada da Ressurreição de Nosso Senhor Jesus Cristo. Eu até digo que é a testemunha principal disso, pois foi a primeira a se encontrar com Cristo vivo e ressuscitado. Ela foi a primeira a ver com os próprios olhos que o Senhor estava vivo e para sempre vivo e que a morte não tinha mais nenhum poder sobre Ele.

Quando contemplamos a vida de Maria Madalena entendemos por que o Senhor é tão importante e transformador em sua vida. Eu não sei como era a sua vida velha, passada, mas a verdade é que ela tinha uma vida longe de Deus, marcada por sofrimentos, dramas e pecados. E que, muitas vezes, foi atormentada pelo próprio tentador, mas quando se encontrou com Jesus, o Mestre transformou sua vida.

Ela deixou de lado as paixões desordenadas às quais o seu coração, muitas vezes, se inclinou e passou a ter um único amor e uma única paixão: Jesus Cristo, Nosso Senhor. Ela O servia com a vida, O servia com seus afazeres, O servia com seus bens. Maria Madalena se tornou toda de Deus!

Imagine a dor que estava em seu coração; imagine o que tomava conta da sua alma, a tristeza que invadiu o seu ser quando o Cristo, o amor da sua vida, a razão de sua existência, morreu crucificado. Ela não abandonou o Senhor nem na morte, foi todos os dias ao Seu túmulo, ali se fazia presente para cuidar d’Ele. E naquele momento, seus olhos se deparam com o Cristo vivo e ressuscitado! Se ela já tinha fé, a sua fé se tornou esplêndida; se ela já O amava o seu amor se tornou pleno; se ela já havia se entregado antes ao Senhor, a sua entrega se tornou total. Maria agora contemplava o Cristo vivo e ressuscitado.

Se num primeiro momento ela quis reter o Senhor para si, o próprio Senhor abriu Seus braços e o Seu coração e disse-lhe: “Não me segures. Ainda não subi para junto do Pai. Mas vai dizer aos meus irmãos: subo para junto do meu Pai e vosso Pai, meu Deus e vosso Deus”. Então Maria Madalena foi anunciar aos discípulos: “Eu vi o Senhor!”, e contou o que Jesus lhe tinha dito” (João 20, 17-18).

Só pode testemunhar, proclamar e convencer os outros de que Jesus está vivo quem experimentou, na sua própria vida, o encontro com Jesus Ressuscitado! Não existe prova maior da Ressurreição de Jesus do que as vidas transformadas pelo encontro com o Senhor vivo!

Ao longo da história, Madalenas, Franciscos, Paulos, Josés e tantos de nós nos encontramos em nossa própria vida com o Cristo Ressuscitado; e Ele vai dando sentido à nossa vida; mudando o homem velho, aquela mulher velha, e vai mudando aquela nossa vida que parecia sem rumo e dando sentido, gosto e sabor a ela.

Assim como Maria Madalena foi testemunhar aos demais: “Eu vi o Senhor!”, quem se encontrou ou foi encontrado por Ele e o Senhor passou a ser a razão da sua vida, precisa testemunhar para o mundo que encontrou o Senhor e que Ele está vivo e ressuscitado.

O mundo não precisa nem quer conhecer só as teorias e os anúncios: “Olha, Jesus está vivo!”. O mundo está ansioso para ver onde é que estão as pessoas que foram transformadas e ressuscitadas com Jesus.

Que eu e você sejamos testemunhas de que Jesus está vivo e presente no meio de nós!

Deus abençoe você!


Padre Roger Araújo

Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova.

https://www.facebook.com/pe.rogeraraujo/?fref=ts

Comentários

Setembro

47%

Confira a revista deste mês
Pai das Misericórdias

Pedido de Oração

Enviar
  • Aplicativo Liturgia Diária

    Com o aplicativo Liturgia Diária – Canção Nova, você confere as leituras bíblicas diárias e uma reflexão do Evangelho em texto e áudio. E mais: você ainda pode agendar um horário para estudar a palavra por meio do aplicativo.


  • Comentários