18 jan 2017

Jesus olha primeiro para a pessoa humana

Jesus olha primeiro para a pessoa do que para o templo, para o dia da semana ou qualquer prescrição

E permitido no sábado fazer o bem ou fazer o mal? Salvar uma vida ou deixá-la morrer?” Mas eles nada disseram” (Marcos 3,4).

Eles [fariseus] estão escandalizados, porque Jesus curou um homem de mão seca em dia de sábado, estavam muito mais incomodados com a prescrição do sábado do que com aquele homem na situação em que se encontrava.

Deixe-me dizer uma coisa bem séria ao seu coração: Jesus olha primeiro para a pessoa, do que para o templo, para o dia da semana ou qualquer prescrição. O mais importante no coração de Deus é a pessoa humana.

Nada é mais sagrado para Deus do que nós, Seus filhos. Cada pessoa humana têm um significado muito singular para Deus. E digo a você: quanto mais este ser humano é sofrido, desprezado, mal amado, marginalizado, mais querido e amado ele se torna no coração de Deus.

Jesus toma este homem pela mão, e não cura somente a sua mão seca; cura todo o seu ser, toda a sua vida. Jesus tira aquele homem da situação de exclusão em que se encontrava e o traz para o meio, para a realidade da vida, porque até então todos o excluíam por causa da sua situação.

Há tantas discussões na humanidade por essa ou aquela situação! Há tantas discussões religiosas, muitas vezes, preocupadas com este ou aquele preceito religioso e se esquecem do essencial.

O essencial para Deus é a pessoa humana, é o ser humano, Seu filho e Sua filha, que tem de ser amado, cuidado e incluído acima de qualquer coisa. Por isso, meus irmãos, a religião que salva é a religião que cuida da pessoa humana. Não que vamos desprezar os preceitos religiosos, não que o importante seja só fazer caridade.

É apenas fazer as coisas na ordem, sem precisar desprezar também aquilo que é essencial. Não é fazer isso e deixar de fazer aquilo. É saber ter prudência, mas também ter prioridades.

O ser humano é tão sagrado, que Deus se fez humano para resgatar o lado sacro da vida humana. Uma vez que Ele se faz um de nós, cada um de nós se torna sagrado para Ele. Por isso, essa ou aquela pessoa, por mais que seja intolerável para nós, é muito amada por Deus.

Precisamos resgatar, dentro do nosso coração, a nossa humanidade perdida, a nossa humanidade que se compadece da humanidade do outro, do sofrimento do outro, da exclusão do outro, da situação de miséria humana na qual o outro se encontra.

Não se esqueça de que, para Deus, o ser humano é prioridade!

Deus abençoe você!


Padre Roger Araújo

Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova. Contato: padrerogercn@gmail.com – Facebook

Comentários

Outubro

51%

Confira a revista deste mês
Pai das Misericórdias

Pedido de Oração

Enviar
  • Aplicativo Liturgia Diária

    Com o aplicativo Liturgia Diária – Canção Nova, você confere as leituras bíblicas diárias e uma reflexão do Evangelho em texto e áudio. E mais: você ainda pode agendar um horário para estudar a palavra por meio do aplicativo.


  • Comentários