23 mar 2014

Jesus é a fonte da água viva!

Jesus é a água viva, quem d’Ele bebe jamais terá sede! Jesus nos sacia dessa sede de eternidade que nós temos e preenche os vazios da nossa alma e do nosso coração.

”Todo aquele que bebe desta água terá sede de novo. Mas quem beber da água que eu lhe darei, esse nunca mais terá sede. E a água que eu lhe der se tornará nele uma fonte de água que jorra para a vida eterna” (João 4, 13-14).

 

O relato do Evangelho de hoje nos mostra o encontro de Jesus com a samaritana, junto ao posto de Jacó. Relato lindo, maravilhoso, cheio de ensinamentos profundos para a nossa vida! Vamos hoje nos deter em um ponto importante: a água que essa mulher vai buscar na fonte.

Como nós precisamos da água, como a água para nós é o símbolo grande da vida, a nossa vida é preenchida pela água, o nosso corpo, o mundo em que nós habitamos! É  impossível pensar na vida sem pensar na água, talvez queiramos viver a vida e não dar tanta importância para ela, mas só existe vida onde a água está. Se a água seca, a vida também seca, por isso, essa mulher vai ao poço, ela vai ali todos os dias buscá-la [água].

Mas, é porque temos a água em nossas casas, tudo canalizado e a água chega com a abundância e nós, muitas vezes, não damos significado e valor a essa beleza da natureza, esse dom, esse presente do céu que significa  para nós.

Entre tantas coisas importantes que a água pode significar, ela é o símbolo da pureza; a água cristalina, pura, límpida; essa água nos lava, cai no nosso corpo, a água com a qual a mamãe lava seu filho,  seu bebê, dá banho nele, é a mesma água que irá nos lavar a vida inteira e não vai permitir que o nosso corpo caminhe em meio a essa terra e seja tomado pelas impurezas e sujeiras deste mundo.

Que dom maravilhoso, que dom precioso é a água! A água, que se faz presente em nosso batismo, como símbolo e como dom do Espírito Santo, a água derramada em nossa cabeça nos purifica e nos lava dos nossos pecados, a água do próprio Espírito, a água que nos redime e faz de nós criaturas novas.

Nesta Quaresma nós precisamos de um banho nessa fonte de água viva, que é o próprio Jesus; Ele vem para nos salvar e nos purificar. E um outro dom maravilhoso da água é que ela sacia a nossa sede. “Dá-me de beber”, diz Jesus.

Essa mulher foi, muitas vezes, buscar essa água para beber, da qual ela bebeu e saciou sua sede, mas você sabe que nós bebemos da água, ela sacia nossa sede momentânea, mas a sede depois volta e nós até, muitas vezes, cansados, ou querendo coisas mais práticas, substituímos água por refrigerante, por sucos, na tentativa de que outras coisas saciem mais a nossa sede.

A nossa alma tem uma sede muito mais profunda, nós temos uma sede de satisfação, nós temos uma sede de realização, nós temos uma sede de eternidade; nós temos sede de coisas mais profundas! Vamos nos preenchendo com coisas momentâneas, vamos nos preenchendo com coisas deste mundo, vamos saciando nossa sede com aquilo que, na verdade, cria um buraco maior dentro de nós e nos deixa ainda mais sedentos.

Jesus é a água viva, quem d’Ele bebe jamais terá sede! Jesus nos sacia dessa sede de eternidade que nós temos, Ele preenche os vazios da nossa alma e do nosso coração e dá sentido à nossa resistência. Que nós também hoje possamos ir ao “poço de Jacó” buscar essa água, que nos lava e sacia a nossa sede!

Que Deus abençoe você!

 


Padre Roger Araújo

Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova.

https://www.facebook.com/pe.rogeraraujo/?fref=ts

Comentários