23 dez 2015

Deus realiza o impossível em nós

O impossível de Deus transforma corações, pessoas e traz graças para renovar a vida

“Zacarias pediu uma tabuinha, e escreveu: ‘João é o seu nome’. No mesmo instante, a boca de Zacarias se abriu, sua língua se soltou, e ele começou a louvar a Deus” (Lucas 1, 63-64).

Quando o anjo anunciou a Zacarias que sua esposa ficaria grávida, ele duvidou, questionou o anjo e exitou na fé. Por exitar, ficou mudo. Recolhido em sua mudez, em seu silêncio interior, pôde contemplar a grandeza de Deus, que realizou Seus prodígios para além da sua incredulidade.

Veja mais:
:: Quem é o Arcanjo Gabriel?

:: Como se fortalecer para vencer os desafios
:: A força transformadora do Espírito Santo
:: A mudança de vida é apontada pelos profetas

Quando esse filho veio, todos questionaram qual seria o nome dele. Zacarias então escreveu: “João será o seu nome!”. No mesmo instante, sua língua prorrompeu em ação de graças, em louvor e exaltação ao Senhor Nosso Deus, que realizou maravilhas na vida de Seu servo.

Aquela notícia se espalhou por todo canto e todos ficaram com receio e medo, porque sabiam das condições de Zacarias e Isabel: tão velhos, com idade avançada, eram estéreis, mas, de repente, vem um menino para ser um sinal, um prodígio no meio deles.

Maravilhas de Deus

As maravilhas que Deus realiza em nosso meio provocam espanto. Quando Deus age entre nós, quando o impossível transforma corações e pessoas, traz graças para renovar a vida, as pessoas se espantam. Espantam-se quando uma pessoa, que tinha tudo para estar desanimada, para desistir desta ou daquela situação, dá uma resposta diferente, uma resposta de fé e graça. Isso faz toda a diferença no mundo em que vivemos.

Meus irmãos, testemunhemos aos outros que Deus é grande em nosso meio. Não mostremos a eles a nossa cara de desânimo nem nossa falta de alento, pois é preciso que a nossa vida demonstre que em Deus colocamos a nossa confiança.

Que de nossa boca saia um hino de louvor

Que de nossa boca, como da boca de Zacarias, saiam hinos de louvor, de ação de graças e engrandecimento. As pessoas falam muito mal uma das outras, existe muita fofoca, muitas notícias ruins; existe muita gente exaltando e fazendo o mal pela própria língua. Existe muita língua muda para Deus, mas, ao mesmo tempo, solta para as imundices do mundo. Existe muita mentalidade mundana no meio de nós.

Que Deus nos purifique do mal deste mundo, dê-nos um coração para louvá-Lo, bendizê-Lo, exaltá-Lo e para darmos graças por tudo aquilo que Ele realiza no meio de nós.

Unidos a Zacarias, cantemos um canto novo para o Senhor, porque Ele realizou prodígios entre nós!

Deus abençoe você!

repensando-a-vida

Adquira este livro de padre Roger Araújo


Comentários