13 out 2014

Cristo veio para nos libertar de tudo o que nos escraviza

Cristo Jesus veio para nos libertar de tudo o que nos escraviza, porque, muitas vezes, somos dominados pelo vício do jogo, da bebida, da sexualidade desenfreada, das drogas, da gula e dos sentimentos desordenados.

É para a liberdade que Cristo nos libertou. Ficai, pois, firmes e não vos deixeis amarrar de novo ao jugo da escravidão” (Gálatas 5,1).

Ao refletirmos sobre a Palavra de Deus na Carta de Paulo aos Gálatas, nós queremos entrar a fundo numa meditação importantíssima para a nossa espiritualidade cristã: a escravidão e a liberdade. Porque quando não conhecemos Cristo, quando não somos levados pelo Seu amor, pela Sua bondade, pela Sua Palavra, nós nos deixamos escravizar por este mundo. Nós nos deixamos escravizar, muitas vezes, pelos vícios, pelos nossos sentimentos; nos deixamos escravizar pelo nossos afetos. Contudo, Cristo Jesus, Nosso Senhor, morreu na cruz por nós para nos libertar do cativeiro do pecado, para nos tirar da escravidão e nos trazer a vida nova e a liberdade.

Portanto, meus irmãos, nós não podemos nos permitir cair novamente na escravidão do mal, na escravidão do pecado, na escravidão daquilo que pode simplesmente tirar a nossa liberdade interior de escolha. O mal do vício, o mal do pecado, o mal daquilo que nos escraviza é porque tira a nossa liberdade de escolha, nos mantém cativos a ele, nos mantém dependentes desse vício, desse mal, desse erro ou desse pecado.

Algumas vezes, muitos vícios dominam o coração humano, como o vício de jogar, de beber; de viver a sexualidade desenfreada, o excesso no comer e tantos outros vícios. Por outro lado, também podemos ser escravos dos nossos sentimentos e dos nossos afetos, porque a paixão pode entrar no coração humano de forma tão violenta que a pessoa não consegue sair daquela escravidão interior em que ela vive. Como muitos dizem: “A paixão é mais forte do que eu!”. Outras vezes, o medo toma conta do coração humano, tudo que a pessoa faz é por ser movida por este medo.

Sabem, meus irmãos, Cristo Jesus veio para nos libertar de tudo aquilo que nos escraviza! Portanto, permitamos que a ação libertadora de Cristo vá nos libertando daquilo que nos mantém cativos ao mal. Mas se você já foi liberto por Jesus, se a liberdade de Cristo já age no seu coração, você respira um ar novo da nova criatura, é muito importante vigiar, cuidar para não se deixar escravizar de novo, para que as amarras do pecado, para que as amarras do mal não vão aos poucos espreitando você e o levando novamente à escravidão.

Voltar ao antigo vômito (cf. 2Pe 2, 22; Prov 26, 11), ou seja, voltar à antiga vida, é muito pior do que aquela primeira situação, porque a nossa vontade vai estar totalmente enfraquecida, seremos vencidos, escravizados!

Já vi muitas pessoas libertas das drogas – graças a Deus! – já muita gente liberta do álcool, do cigarro, já vi tantas pessoas libertas de tantos pecados que pareciam não ter mais jeito. Mas também já vi muita gente que se libertou em Jesus e recaiu, e a situação ficou cinco, dez vezes pior.

Quem está de pé, tome cuidado para não cair! Peçamos a Cristo Jesus que nos mantenha na liberdade que Ele mesmo trouxe a nós.

Deus abençoe você!


Padre Roger Araújo

Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova.

https://www.facebook.com/pe.rogeraraujo/?fref=ts

Comentários

Setembro

47%

Confira a revista deste mês
Pai das Misericórdias

Pedido de Oração

Enviar
  • Aplicativo Liturgia Diária

    Com o aplicativo Liturgia Diária – Canção Nova, você confere as leituras bíblicas diárias e uma reflexão do Evangelho em texto e áudio. E mais: você ainda pode agendar um horário para estudar a palavra por meio do aplicativo.


  • Comentários