19 maio 2015

A intimidade com Jesus nos aproxima do coração do Pai

A intimidade com Jesus nos aproxima do coração do Pai! Precisamos crescer na intimidade com Deus, nosso Pai amoroso, bondoso, maravilhoso, esse Deus que é tudo para nós!

“Ora, a vida eterna consiste em que conheçam a ti, um só Deus verdadeiro, e Jesus Cristo que enviaste” (João 17, 3).

Estamos acompanhando a oração sacerdotal de Jesus, na qual o Senhor se coloca como um sacerdote, como aquele que intercede, que media, que faz a ponte. É aquele que liga a realidade humana à divina; a realidade terrestre à celeste. É Jesus quem coloca os anseios da nossa alma no coração de Deus!

O sacerdote é ponte, é intercessor, é mediador, é ele quem faz o elo entre a terra e o céu, entre o céu e a terra. É por isso que, nessa oração, Jesus ora por nós, em nós e para todos nós. O Senhor, acima de tudo, nos apresenta como também deve ser a nossa oração. Primeiramente Ele fala direto ao coração do Pai, sem rodeios, sem mediações. Jesus vai direto ao coração do Pai porque Ele tem intimidade com Ele, porque Ele tem uma relação com Seu Pai: “Ora, a vida eterna, meu Pai, consiste em que eles conheçam a Ti” (João 17,3).

A graça que Jesus nos dá, em primeiro lugar, é a graça de conhecermos a Deus, o Deus único e verdadeiro. Deus, para muitos povos e para muitas pessoas, ao longo da história, parecia uma figura longe e distante, uma figura totalmente longe das realidades humanas. E é Jesus quem traz esse Deus, esse Pai amoroso, para bem pertinho de nós! Nós podemos senti-Lo, abraçá-Lo, vivê-Lo e vivenciá-Lo! Nós podemos falar ao Pai daquilo que somos e vivemos.

A vida eterna é essa! Não é simplesmente esperar morrer para abrir o céu e nós entrarmos. A vida eterna começa quando entramos na vida do Pai e deixamos o nosso coração viver essa sintonia com Ele! A vida eterna consiste em crer no Deus único e verdadeiro e n’Aquele que Ele enviou: Seu Filho Jesus Cristo.

Sabem, meus irmãos, nós precisamos crescer na intimidade com o nosso Deus, nosso Pai amoroso, bondoso, maravilhoso! Esse Deus que é tudo para nós. Não podemos tratá-Lo como uma divindade distante de nossa realidade. Quem se aproxima de Jesus se aproxima do coração do Pai; e quem está no colo do Pai obedece Seu Filho e vive da relação de amor e amizade com Seu Filho enviado por intermédio de Seu Evangelho e de Suas pregações, e crê em tudo aquilo que Ele ensinou.

Que possamos, com a ajuda da oração de Jesus, crescer na nossa relação de intimidade e unidade com o nosso Pai!

Deus abençoe você!


Padre Roger Araújo

Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova. Contato: mailto:padrerogercn@gmail.com – Facebook

Comentários