02 Jun 2018

Estejamos em comunhão com Deus

Para agirmos na autoridade de Deus, precisamos ter comunhão e sintonia com Ele

‘Com que autoridade fazes essas coisas? Quem te deu autoridade para fazer isso?’ Jesus respondeu: Vou fazer-vos uma só pergunta. Se me responderdes, eu vos direi com que autoridade faço isso. O batismo de João vinha do céu ou dos homens?” (Marcos 11,28-30).

No Evangelho de hoje, vemos que os sumos sacerdotes, mestres da Lei e anciãos se aproximaram de Jesus para colocá-Lo em dificuldade, pois queriam saber de onde vinha a autoridade de Jesus, queriam saber quem autorizava tudo aquilo que Ele realizava.

Quem tem comunhão com Deus faz tudo na autoridade d’Ele. Não basta sermos religiosos, frequentarmos a igreja e dizermos que somos batizados, precisamos ter a autoridade divina, por isso Jesus falava com autoridade.

Confundimos demais autoridade com títulos, com autoritarismo, figuras imponentes e importantes. Estamos falando da autoridade que só Deus exerce sobre a face da Terra e sobre a nossa vida, a autoridade de nos salvar, de nos renovar, resgatar e tornar-nos Seus filhos. Para agirmos na autoridade divina, precisamos ter comunhão e sintonia com Ele.

Não basta ter títulos, cargos, não basta os sacramentos que recebemos, porque, muitas vezes, o sacramento não corresponde à graça de vida. Pode ser que você tenha recebido a graça de estar casado, mas não vive a tranquilidade do sacramento do matrimônio, do batismo, da ordenação e do que for na graça divina.

São homens religiosos que estão questionando Jesus, são mestres e doutores da Lei que querem saber de onde vem a autoridade d’Ele. Jesus responde com outra questão: “Basta vocês me dizerem com que autoridade João batizava”. Eles sabiam que João realizava o divino, que era do Céu, mas não ouviram o apelo de João e o rejeitaram. Jesus foi da mesma forma falar com eles, mas não foi acolhido. Sabe por que não acolhemos João, Jesus, aqueles que vem falar em nome do Senhor? O problema não é quem fala, o problema é a comunhão com o Senhor, é a nossa vida que corresponde ou não com a vontade d’Ele.

Estejamos em comunhão com o Senhor, para que tenhamos autoridade para viver em nome d’Ele, para falarmos em nome d’Ele e proclamarmos o nome d’Ele em tudo o que realizarmos.

Deus abençoe você!


Padre Roger Araújo

Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova.

https://www.facebook.com/pe.rogeraraujo/?fref=ts

Ajude a Canção Nova!

0%

Confira a ediçao especial da revista
Pai das Misericórdias

Pedido de Oração

Enviar
  • Aplicativo Liturgia Diária

    Com o aplicativo Liturgia Diária – Canção Nova, você confere as leituras bíblicas diárias e uma reflexão do Evangelho em texto e áudio. E mais: você ainda pode agendar um horário para estudar a palavra por meio do aplicativo.