10 Nov 2021

Que nosso coração seja grato a Deus por todas as bênçãos

“Atirou-se aos pés de Jesus, com o rosto por terra, e lhe agradeceu. E este era um samaritano” (Lucas 17,16).

Foram dez os leprosos que se aproximaram de Jesus e clamaram: “Jesus, Mestre, tem compaixão de nós”. Nem vou me alongar sobre a situação dos leprosos na época de Jesus, renegados, deixados de lado, marginalizadas, vistos como impuros por causa da lepra, por causa daquela pele que estava “estragada”. O fato é que eles clamavam pela misericórdia, o fato é que eles clamavam para que Jesus tivesse compaixão deles, e Jesus Mestre, bondoso e misericordioso, ordena que eles fossem se apresentar aos sacerdotes ou reconhecer que o que eles pediram Deus estava concedendo a eles. Enquanto eles estavam a caminho, de fato, foi isso que aconteceu, eles ficaram curados.

Eram 10 leprosos, e desses 10, apenas um voltou para agradecer. Ele estava curado e, em alta voz, glorificava, bendizia, louvava, exaltava o nome do Senhor, e depois atirou-se aos pés de Jesus num gesto de profunda gratidão e reconhecimento.

Tudo o que peço, a cada dia, é para ter um coração grato e reconhecido

Jesus parou e olhou: “Não foram dez os curados? Só este samaritano voltou para agradecer?”, agradecer quer dizer reconhecer, e nós, muitas vezes, somos como os nove ingratos: não reconhecemos a ação bondosa e misericordiosa de Deus na nossa vida. Para pedir, somos bons; pedimos, inclusive, parece que passamos a vida inteira pedindo.

Não sei quanto tempo de vida eu tenho, mas queria que o resto dos anos, do tempo de vida que tenho, fosse para agradecer e bendizer a Deus por todas as bondades, por toda a cura, por tudo aquilo que Ele me deu e me dá nessa vida. Tudo o que peço, a cada dia, é para ter um coração grato e reconhecido. Indigno eu sou, leproso eu sou, pecador eu sou, mas Deus é muito bom que só posso louvá-Lo, bendizê-Lo, adorá-Lo e glorificá-Lo!

Quero cada vez passar mais tempo prostrado no chão, levantando minhas mãos para o Céu, suplicando misericórdia pelos meus pecados, mas mais tempo com o coração louvando, agradecendo e bendizendo.

Há aqueles que só lembram de Deus para pedir. Não sei se preciso pedir algo para Deus, a não ser que me dê um coração mais grato, mais reconhecido, mais adorador para louvá-Lo, glorificá-Lo, bendizê-Lo e reconhecer a grandeza d’Ele no meio de nós.

Deus abençoe você!


Padre Roger Araújo

Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova.

https://www.facebook.com/pe.rogeraraujo/?fref=ts

Comentários

Pai das Misericórdias

Pedido de Oração

Enviar
  • Aplicativo Liturgia Diária

    Com o aplicativo Liturgia Diária – Canção Nova, você confere as leituras bíblicas diárias e uma reflexão do Evangelho em texto e áudio. E mais: você ainda pode agendar um horário para estudar a palavra por meio do aplicativo.