31 Aug 2020

Permitamo-nos ser corrigidos pela Palavra de Deus

“Levantaram-se e o expulsaram da cidade. Levaram-no até o alto do monte sobre o qual a cidade estava construída, com a intenção de lançá-lo no precipício” (Lucas 4,29).

Vocês estão vendo que na Sua própria cidade Jesus não só não é aceito, como também é ignorado, rejeitado, desprezado no meio até de parentes, de pessoas que fazem parte do parentesco d’Ele, parentesco próximo, dito por alguns até como Seus familiares.

Não acolheram Jesus, não puderam admitir que Ele era profeta, porque olharam para Ele como aquele que cresceu no meio deles, o filho de José e de Maria. Agora, no entanto, o que Ele está falando é o verdadeiro profetismo, Ele agora é o profeta de Israel, Ele é o Messias que se tornou duro até para os Seus.

É preciso dizer que, até hoje, muitos em Israel não acolhem, não aceitam Jesus como o Cristo. É preciso dizer que, no meio de nós, até como batizados, como cristãos, muitas vezes também não O acolhemos nem O aceitamos.

Muita coisa que Jesus diz é dura – não é duro o que Jesus fala, dura é a nossa cabeça e o nosso coração para acolher a verdade como ela é. Não queremos muitas vezes ser incomodados, e Jesus era muito incômodo com a Palavra e com o Seu profetismo.

O que alguns querem é o profetismo do agrado até na hora de pegar a Bíblia. A pessoa fica procurando passagens para agradar o seu ego, passagens que vão corroborar com o que pensam. “Essa aqui é a bênção”,“Essa é a promessa de Deus para mim”.

A Palavra de Deus é aquela que nos corrige, que nos exorta e coloca no eixo

Quando a Palavra está corrigindo, está chamando à atenção, está nos advertindo, nós, muitas vezes, fazemos até vista grossa: “Essa passagem não é para mim!”.

Não gosto muito daquilo que as pessoas, muitas vezes, usam nos escritórios, nos lugares, essas caixinhas de promessas que tiram uma passagem. Geralmente, é só uma promessinha boa para deixar a pessoa alegre e feliz.

A Palavra de Deus não é só promessinha para a pessoa ficar alegre e feliz. A Palavra de Deus é aquela que nos corrige, que nos exorta e nos coloca no eixo. Muitas vezes, não queremos ser exortados nem por Deus, pois preferimos rejeitá-Lo, ignorá-Lo e colocá-Lo de lado. É o que a sociedade e o mundo fazem.

A Palavra de Deus é só bênção para nós quando nos corrige e nos chama à atenção, quando nos adverte. E se não está nos advertindo, é porque não estamos no Espírito e no prumo da Palavra, e vamos deixando de lado como fizeram os conterrâneos de Jesus, os parentes d’Ele, que O levaram morto abaixo até para desprezá-Lo.

Não desprezemos Jesus e Sua Palavra, permitamos que ela nos corrija, que nos forme e oriente, porque Jesus veio para nos salvar, e precisamos permitir que a Sua salvação, por mais dura que seja, aconteça em nós.

Deus abençoe você!

 


Padre Roger Araújo

Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova. Contato: padrerogercn@gmail.com – Facebook

Comentários

Pai das Misericórdias

Pedido de Oração

Enviar
  • Aplicativo Liturgia Diária

    Com o aplicativo Liturgia Diária – Canção Nova, você confere as leituras bíblicas diárias e uma reflexão do Evangelho em texto e áudio. E mais: você ainda pode agendar um horário para estudar a palavra por meio do aplicativo.