23 dez 2014

Faça da sua vida um hino de louvor e gratidão a Deus

Precisamos deixar irromper de nosso interior o hino do louvor, da ação de graças, do reconhecimento e do engrandecimento do nome do Senhor Nosso Deus.

No mesmo instante, a boca de Zacarias se abriu, sua língua se soltou, e ele começou a louvar a Deus” (Lucas 1, 64).

Desde quando o anjo Gabriel visitou Zacarias e anunciou que sua esposa, Isabel, ficaria grávida este ficou mudo, porque duvidou disso e questionou o que Deus faria ou estava fazendo na sua vida. O silêncio da escuta e da reflexão tornou-o mudo, sem nada poder falar, mas quando esse menino nasce a alegria irrompe de todos os cantos. E o silêncio da escuta de Zacarias surge com um hino de louvor e de agradecimento pela manifestação poderosa de Deus no meio do seu povo.

Deixe-me dizer uma coisa a você: sei que muita coisa pode estar machucada dentro de nós, em nosso coração. Eu sei que, muitas vezes, não temos nem palavras para responder a essa ou àquela situação e o silêncio toma conta de todo o nosso ser. Não é o silêncio pelo silêncio, mas o silêncio que nos torna mudos. Não temos palavras de conforto, não temos palavras de consolo, não temos palavras de ânimo e de coragem. Muitas vezes, as palavras que saem da nossa boca são de amargura, de dureza, de maldade e, infelizmente, de maldição.

Está na hora de rompermos com toda essa mudez que tomou conta do nosso ser, seja porque nos machucamos, nos decepcionamos, seja porque duvidamos da ação de Deus em nossa vida ou porque não sabemos reconhecer a mão d’Ele sobre nós. Precisamos deixar irromper de nosso interior o hino do louvor, da ação de graças, do reconhecimento e do engrandecimento do nome do Senhor Nosso Deus.

Deixe-me dizer a você: o louvor quebra todas as maldições, quebra dentro de nós tudo aquilo que parece não ter caminho, luz e solução; o louvor irrompe as barreiras das trevas, do pecado. O louvor quebra em nós tudo aquilo que está azedo, amargurado e sem gosto!

Faça da sua vida um hino de louvor e gratidão a Deus! Não importa o que você esteja vivendo ou pelo que esteja passando, está na hora de sair do luto, da murmuração e da reclamação. Está na hora de emprestarmos a nossa boca para Deus, para o Espírito de Deus, para que do nosso ser irrompa um hino de louvor, de ação de graças e de reconhecimento pela bondade de Deus para conosco!

Deus abençoe você!


Padre Roger Araújo

Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova.

https://www.facebook.com/pe.rogeraraujo/?fref=ts

Comentários