21 Oct 2017

Testemunhar é uma condição do amor

Não tenhamos medo de amar nem de testemunhar, porque é Jesus quem, diante dos anjos, testemunha a nosso favor todo o tempo

“Todo aquele que der testemunho de mim diante dos homens, o Filho do Homem também dará testemunho dele diante dos anjos de Deus” (Lucas 12,8).

Testemunhar é, acima de tudo, amar. Testemunhamos, defendemos e lutamos por aqueles que nós amamos. Testemunhar é uma questão de verdade, porque o contra testemunho, o falso testemunho é uma coisa danosa, perigosa, é um contrassenso em relação à verdade. Testemunhamos quando amamos e quando estamos na verdade.

A verdade para nós é Jesus. Ele é a verdade que nos salva, liberta-nos e tira-nos das trevas da mentira, do erro, do engano e da ilusão. Testemunhamos aquilo que vimos e recebemos. O que vimos? A graça de Deus agindo, libertando-nos, convertendo-nos e trazendo sentido e valor para nossa vida.

O que nós testemunhamos? A ação de Deus no mundo. Não posso negar que sou uma testemunha viva do que Deus fez e faz em mim, e também vejo Ele realizar na vida de tantas pessoas! Não posso negar que muitas vidas são transformadas, renovadas, libertadas e curadas por Jesus. Eu preciso testemunhar isso para o mundo, proclamar para as pessoas que se aproximam de mim o que eu vejo. Eu não posso negar o fato de que Jesus é o Senhor, e Ele tem libertado, transformado e renovado a nossa vida.

Testemunhar é uma condição do amor. O amor que nós temos por Deus nos leva a testemunhá-Lo diante dos homens. Não temos vergonha de falar, de proclamar aquilo que Deus tem feito em nós. Tem vergonha quem, de fato, não é transformado nem ama, por isso não testemunha.

Se eu tenho vergonha de testemunhar o que Deus faz em mim, como Ele pode assumir, diante dos anjos, aquilo que eu sou?

Testemunhar não é somente falar de Jesus para as pessoas que são de Jesus; é, acima de tudo, testemunhar nos ambientes em que estamos, nos lugares onde vivemos, onde passamos essa vida. É não ter vergonha, mas amor à verdade, amor a Deus acima de tudo e dizer: “Eu sou de Cristo, e esse amor me faz levar a vida em nome d’Ele”.

Não tenhamos medo de amar nem de testemunhar, porque é Jesus quem, diante dos anjos, testemunha a nosso favor todo o tempo.

Deus abençoe você!


Padre Roger Araújo

Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova. Contato: padrerogercn@gmail.com – Facebook

Novembro

56%

Confira a revista deste mês
Pai das Misericórdias

Pedido de Oração

Enviar
  • Aplicativo Liturgia Diária

    Com o aplicativo Liturgia Diária – Canção Nova, você confere as leituras bíblicas diárias e uma reflexão do Evangelho em texto e áudio. E mais: você ainda pode agendar um horário para estudar a palavra por meio do aplicativo.