10 maio 2014

Só Jesus tem palavras de vida eterna!

Nós podemos até abandonar o Senhor, podemos até procurar outros caminhos, mas ninguém tem palavras de vida eterna para nos salvar, para nos libertar e para nos abrir as portas do Reino dos Céus como Ele as tem.

”A quem iremos, Senhor? Tu tens palavras de vida eterna. Nós cremos firmemente e reconhecemos que tu és o Santo de Deus” (João 6, 68).

 

No final do discurso de Jesus sobre o pão da vida, muitos tiveram dificuldade [de entender as palavras do Senhor] ou foram realmente incrédulos e não puderam crer naquilo que Jesus estava ensinando. Era duro demais, era muito difícil compreender que para possuir a vida, a vida eterna em Deus, era necessário comer a Carne e beber o Sangue do Filho de Deus. Mas Jesus afirmou isso de forma muito categórica, clara, sem deixar nenhuma dúvida. A vida que Ele nos dá, Ele no-la dá nos dando o Seu Corpo e o Seu Sangue, e nós precisamos nos alimentar do Corpo e Sangue do Senhor para estarmos em comunhão com Ele.

Por causa dessas palavras de Jesus, muitos O abandonaram, muitos O deixaram; no entanto, Ele não voltou atrás no Seu discurso, ou seja, Ele não mudou o Seu discurso por aqueles que O deixaram e O abandonaram. Ele simplesmente olhou para os Seus discípulos, para os Doze, e disse: ”Vocês também querem ir embora?”. 

Deixe-me dizer a você: Jesus não deseja perder nenhum de nós, Ele não deseja que nenhum de nós vá embora, que abramos mão do Reino de Deus, nem que abandonemos a causa do Reino de Deus. Não, de forma alguma! Mas é preciso também dizer que o Reino de Deus, que a Palavra de Deus, não será mudada por causa de mim ou por causa de você. É o contrário disso, nós é que precisamos mudar de vida por causa da Palavra!

Nós é que precisamos permitir que a Palavra transforme a nossa vida, porque muitas vezes alguém diz assim: “Eu não concordo com essa doutrina da Igreja! É duro demais o que Jesus prega! É impossível viver isso ou viver aquilo”.

É verdade, não nos deixamos moldar por Jesus se não transformamos a nossa mentalidade numa mentalidade evangélica, se torna duro e difícil seguir Jesus; a ponto de também querermos abandoná-Lo, seguir por outros rumos ou por outros caminhos.

Mas não é o ensinamento de Jesus que é duro ou difícil, é o nosso coração que é demasiadamente duro, é a nossa cabeça que muitas vezes se fecha para o novo e não se abre para ser mudada de acordo com a mentalidade evangélica que Jesus trouxe para nós.

Nós podemos até abandonar o Senhor, podemos até procurar outros caminhos, mas ninguém terá palavras de vida eterna para nos salvar, para nos libertar e para nos abrir as portas do Reino dos Céus como Ele as tem. A quem iremos, Senhor? Tu tens palavras de vida eterna!

Deus abençoe você!


Padre Roger Araújo

Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova.

https://www.facebook.com/pe.rogeraraujo/?fref=ts

Comentários