08 out 2010

Ressignifiquemos a nossa vida!

Jesus encontra-se expulsando um demônio de uma pessoa que se encontrava totalmente fora da sua condição de liberdade. Ele veio para nos trazer a verdadeira liberdade e nos arrancar das mãos de satanás. Com o evento Cristo – encarnação, paixão, morte e ressurreição –, o demônio não tem mais a última palavra na vida dos filhos de Deus.

Aqueles que se encontravam totalmente fechados e indiferentes à ação do Senhor, na pessoa de Jesus, para não darem o braço a torcer acerca do poder de Deus que se manifesta em Jesus, atestam que tudo que Ele faz é pelo poder do príncipe dos demônios. Eles chegam ao absurdo de dizerem que Jesus, o Filho de Deus, agia por Belzebu.

Dentre tantas coisas que Lucas nos apresenta na passagem de hoje, percebo que é de suma importância entendermos o que significa a casa ser limpa, pois, se não cuidada, o mal pode vir com força total, ocasionando a ruína total daquela alma.

Todos nós, em algum momento da vida, tivemos a graça da efusão do Espírito, do nosso encontro pessoal com Jesus, onde nossa vida mudou completamente. Naquela ocasião, naquele encontro, naquele grupo de oração… Deus nos visitou e experimentamos do Seu amor. Corremos ao Seu encontro por meio do sacramento da reconciliação e da Eucaristia. Tudo mudou, daquele momento em diante, em nossa vida.

O que aconteceu conosco? Um encontro com o amor infinito de Deus, com a sua misericórdia. Naquele momento o grande demônio da indiferença religiosa, do viver sem Deus, estava sendo expulso de nossas vidas; ou seja, limpamos a casa. Tudo isso, porque nos encontramos com Jesus, pelo fato de Ele se deixar encontrar.

Muito pouco percebemos em nossa vida que, daquele momento em diante, havíamos sido convidados pelo Senhor a nos deixarmos encontrar por Ele. Ao nos encontrarmos com Jesus, Ele nos convidou para um discipulado; ao acolhermos – pelo encontro pessoal com Ele – o Seu convite de seguimento, fomos convidados a nos deixar tocar pelo seu amor. E é aqui que a dificuldade acontece, no que quer dizer a casa vazia e o demônio vir com força total, sete vezes mais forte.

Achamos que tudo se resolveu no encontro com Ele; pelo contrário, quando nos encontramos com a Luz do mundo – que é Jesus -, Sua proposta era que nos deixássemos envolver pela Sua luz. Isso é uma realidade muito difícil, pois nos deixarmos envolver pela luz significa deixar Jesus iluminar todas as realidades de trevas em nós. Quanto a esta proposta, quase ninguém quer para a sua vida, pois isso resultaria em admitirmos nossas fraquezas e misérias.

Mas não há outro caminho, meus irmãos e minha irmãs! Temos que permitir que Cristo nos ilumine para que nossas misérias e dificuldades sejam ressignificadas nEle. Somente Jesus pode, conosco, ressignificar tudo em nossa vida. Se não ressignificarmos, a casa ficará sozinha, vulnerável para todo tipo de ataque.

Não basta nos encontrarmos com Jesus – isso é fundamental e muito importante -, é preciso nos deixarmos encontrar por Ele, para que nEele, ressignifiquemos toda a nossa vida, ou seja, o Senhor quer se encontrar conosco para que possamos dar um outro significado – agora positivo – de tudo aquilo que nos aconteceu, que foi brecha para que o demônio pudesse entrar em nosso coração e fazer o estrago que fez e faz.

Padre Pacheco Comunidade Canção Nova

Comentários

Outubro

51%

Confira a revista deste mês
Pai das Misericórdias

Pedido de Oração

Enviar
  • Aplicativo Liturgia Diária

    Com o aplicativo Liturgia Diária – Canção Nova, você confere as leituras bíblicas diárias e uma reflexão do Evangelho em texto e áudio. E mais: você ainda pode agendar um horário para estudar a palavra por meio do aplicativo.


  • Comentários