24 maio 2012

Os discípulos de Cristo devem primar pela unidade

Na oração do Evangelho de hoje, Jesus expressa Seu profundo desejo de unidade não somente entre os apóstolos, mas entre estes e aqueles que, mais tarde, haveriam de acreditar nas palavras do Senhor. É a unidade, na comunhão de vida plena, com todos os amados por Deus, sobretudo com aqueles que procuram Sua face mesmo que às “apalpadelas”.

Os discípulos devem compreender e, sobretudo, primar pela solidariedade,  independentemente da condição social da pessoa. Todos os homens maus ou bons, ricos ou pobres, brancos ou negros, naturais de um determinado lugar ou simplesmente residentes, são chamados à salvação.

A união com os discípulos de Jesus se fará na luta pela remoção da barreira que separa ricos e pobres. Esta deve ser a nossa meta, meu irmão! Temos de lutar pela comunhão plena de amor, na qual o amor do Pai e do próprio Jesus esteja em todos.

Que todos se sintam realmente amados por Deus. Eis a oração de Jesus que podemos adotar: “Pai, quero que, onde eu estiver, aqueles que me deste estejam comigo a fim de que vejam a minha natureza divina, pois me amaste antes da criação do mundo”.

Padre Bantu Mendonça

Comentários

Outubro

51%

Confira a revista deste mês
Pai das Misericórdias

Pedido de Oração

Enviar
  • Aplicativo Liturgia Diária

    Com o aplicativo Liturgia Diária – Canção Nova, você confere as leituras bíblicas diárias e uma reflexão do Evangelho em texto e áudio. E mais: você ainda pode agendar um horário para estudar a palavra por meio do aplicativo.


  • Comentários