01 out 2017

O Reino de Deus acontece em nós quando nos convertemos

O Reino de Deus, acontece dentro do coração de cada um de nós, quando as nossas obras testemunham o amor de Deus

“Em verdade vos digo que os cobradores de impostos e as prostitutas vos precedem no Reino de Deus” (Mateus 21, 31).

No Evangelho de hoje, Jesus chama à atenção aqueles que ouvem Sua Palavra, mas não se convertem nem se convencem. Ele conta a parábola do filho que diz: “Estou aqui, vou fazer”, mas no fim não faz. O outro filho do Evangelho de hoje, no primeiro momento, não se coloca à disposição para fazer o que o pai está pedindo, mas, depois, ele repensa sua atitude e muda sua opinião, sua convicção, sua vontade, e vai fazer a vontade do pai.

Não basta termos aparência de fazer e querer fazer o bem, não basta ter a aparência de que estamos na igreja, fazendo as coisas de Deus, mas não realizarmos o Reino de Deus dentro de nós, porque vivemos de aparências e, facilmente, damos respostas que não comprometem a nossa vida, demonstramos ser uma coisa e fazemos outra coisa.

O processo de conversão acontece dentro do nosso coração, por isso nem tudo que aparenta ser, de fato, é; nem tudo que demonstra ser de Deus é d’Ele. Nem todo aquele que fala do Senhor está a serviço d’Ele. Nem todo aquele que está trabalhando para o Reino de Deus, que está fazendo essa ou aquela obra, de fato, está trabalhando para o Reino, porque este acontece dentro do coração de cada um de nós.

Quando nossas obras e nossos trabalhos testemunham o amor de Deus que está em nós, deixamo-nos convencer e converter, pois, de fato, a Palavra de Deus cai em nosso coração e produzimos frutos.

Muitas vezes, olhamos para as pessoas, para as situações e achamos que elas estão perdidas, que não valem nada, estão afastadas de Deus. Mas, na realidade, há nelas, sem que nós conheçamos, um esforço, uma luta por uma conversão e por uma mudança de vida.

Em verdade vos digo que os cobradores de impostos e as prostitutas vos precedem no Reino de Deus”, porque, muitas vezes, quem nós achamos que são pecadores e perdidos, estão muito mais sensíveis à graça de Deus do que nós que estamos no caminho, que nos sentimos convertidos, que “já somos da igreja” e perdemos a sensibilidade para com a graça de Deus e para com Seu Reino.

Precisamos nos converter e converter por Deus a cada dia!

Deus abençoe você!

 


Padre Roger Araújo

Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova. Contato: padrerogercn@gmail.com – Facebook

Comentários

Setembro

64%

Confira a revista deste mês
Pai das Misericórdias

Pedido de Oração

Enviar
  • Aplicativo Liturgia Diária

    Com o aplicativo Liturgia Diária – Canção Nova, você confere as leituras bíblicas diárias e uma reflexão do Evangelho em texto e áudio. E mais: você ainda pode agendar um horário para estudar a palavra por meio do aplicativo.


  • Comentários