15 jul 2013

O amor a Deus deve prevalecer sobre todas as coisas

Independente de qualquer coisa, devemos amar o Senhor em primeiro lugar, pois o amor d’Ele nos ensina como amar todos

Não penseis que eu vim trazer a paz a terra, eu não vim trazer a paz, mas sim a espada (Mt 10, 37)

Ao escutar essas palavras tão duras de Jesus, podemos ficar, em um primeiro momento, escandalizados, pois nós O conhecemos como o Príncipe da Paz; no entanto, hoje, Ele nos diz que não veio trazer a paz, mas a espada. Então, qual é a paz que o Senhor vem nos trazer? Não é a que nós conhecemos, mas a que traz uma revolução dentro de nós. Por isso Ele se mune da espada, pois esta é capaz de cortar e separar.

Nós somos como um fruto que possui uma parte ruim, mas da qual ainda se aproveita todo o restante. A espada apresentada é justamente para esse fim, separar de nós tudo o que carregamos de mal, permitindo que apenas o bem permaneça.

A espada de Jesus é para cortar o que faz mal para nossa própria vida, separando o que é do Reino de Deus do que é desse mundo. Às vezes, o que Jesus vem nos trazer pode até causar divisão, como em uma família, na qual apenas uma parte aceita a Verdade.

Existe uma oposição entre os que querem viver a vontade de Deus e aqueles que não a aceitam. Nesse momento, o amor a Deus deve prevalecer, e isso não significa que deixaremos de amar alguém, mas, ao contrário, precisamos amar ainda mais com o amor que vem do coração de Deus.

Independente de qualquer coisa, devemos amar o Senhor em primeiro lugar, pois o amor d’Ele nos ensina como amar qualquer pessoa, em qualquer situação e em qualquer lugar.

Deus abençoe você!

:: Ouça esta reflexão no Canal Pod Homilia

Comentários