04 abr 2015

Nosso coração vive a expectativa da eternidade

Nosso coração vive a expectativa da eternidade e da ressurreição. É a expectativa da vida feliz e plena para sempre ao lado do Senhor!

Sabemos que o nosso velho homem foi crucificado com Cristo, para que seja destruído o corpo de pecado, de maneira a não mais servirmos ao pecado. Com efeito, aquele que morreu está livre do pecado” (Romanos 6, 6).

Nós hoje celebramos a vida; há uma vida escondida, há uma vida fecundada que brota, que nasce e traz uma luz nova. Se ontem contemplávamos o mistério da dor e do sofrimento com Cristo Crucificado; nós hoje contemplamos o Cristo Crucificado que, pela Sua cruz, pega todas as dores, todos os sofrimentos e os semeia para a eternidade.

A expectativa do nosso coração é a expectativa de eternidade, é a expectativa da vida gloriosa e feliz para sempre ao lado do Senhor. Contudo, a ressurreição do Senhor em nós não começa só com a nossa morte; ao contrário, a morte é a plenitude, é a realização total e plena daquilo que Deus começou a operar em nós. A nossa ressurreição começa hoje, começa no momento em que morremos para os nossos pecados, para o egoísmo e para as paixões desordenadas. A vida nova começa quando deixamos morrer dentro de nós aquele ódio cultivado, aquele ressentimento que começou a crescer em nosso interior.

A morte precisa ser destruída em todos os aspectos, não podemos deixar crescer em nós nenhuma semente de morte, mas somente a semente de eternidade. Por isso precisamos sufocar, um por um, aqueles sentimentos e desejos que não nos levam à vida, mas à morte.

Hoje é dia de deixar no túmulo do Senhor o “homem velho” com seus velhos desejos, com concupiscências enganadoras, desejos que não edificam a vida. É hora de deixar de lado esse nosso desejo egoísta de pensar só em nós e em nossas coisas! É hora de deixar, no túmulo do Senhor, esse orgulho exacerbado que nos coloca no centro do mundo e das coisas, no qual não levamos em consideração quem é o outro.

A ressurreição acontece em nossa vida quando começamos a enterrar e a matar as coisas velhas que não servem para nada e não nos levam a lugar nenhum, como as discussões ultrapassadas, os sentimentos que só corroem a alma e o espírito e as práticas que não convêm à nossa fé.

Hoje é dia de deixarmos no fundo, no abismo, ao qual Jesus foi visitar para resgatar as almas e os nossos antepassados à espera da ressurreição dos mortos, o que é velho e abraçarmos o que é novo.

Vida nova para mim, para você; ressurreição para todos nós! Ressurreição em nossas casas, em nossas famílias, em nossos pensamentos, em nossos sentimentos! Ressurreição é acreditar que o que é velho ficou para trás e que, em Deus, podemos, devemos e queremos fazer novas todas as coisas!

Uma boa, feliz e santa Páscoa para você!

Deus abençoe você!


Padre Roger Araújo

Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova. Contato: padrerogercn@gmail.com – Facebook

Comentários

Outubro

51%

Confira a revista deste mês
Pai das Misericórdias

Pedido de Oração

Enviar
  • Aplicativo Liturgia Diária

    Com o aplicativo Liturgia Diária – Canção Nova, você confere as leituras bíblicas diárias e uma reflexão do Evangelho em texto e áudio. E mais: você ainda pode agendar um horário para estudar a palavra por meio do aplicativo.


  • Comentários