17 dez 2016

Jesus quer curar a nossa história

Cristo quer curar nossa história, desde que tenhamos abertura para acolhê-Lo como nosso Salvador

Jacó gerou José, o esposo de Maria, da qual nasceu Jesus, que é chamado o Cristo” (Mateus 1,16).

Começamos o tempo de preparação, bem próximo ao Natal do Senhor! Daqui a uma semana, já vamos celebrar o nascimento de Jesus. Nesta semana, queremos nos deter nos acontecimentos principais que giraram em torno do nascimento de Nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo.

Começamos essa preparação lendo a genealogia de Jesus Cristo, conhecendo os Seus antepassados, conhecendo as gerações anteriores. Sabendo que Jesus Cristo é filho de Davi, mas, acima de tudo, filho de Abraão.

Abraão é o patriarca que foi chamado de “Ur na Caldeia”, levado à uma terra prometida por Deus, que prometeu dar a ele uma descendência tão numerosa quanto as estrelas que há no céu, e que, da sua descendência, nasceria o Salvador da humanidade. Cristo é o cumprimento dessas profecias, passaram-se tantas gerações até que se chegasse a Jesus.

Quando olho essa lista de nomes, alguns são até difíceis de pronunciar, mas cada um representa uma vida, uma história; cada nome marca a história do Cristo Jesus, são os antepassados d’Ele. Como a Palavra de Deus faz uma menção honrosa aos antepassados do Cristo Jesus!

Sabe por quê? Nós também precisamos olhar, com muito carinho, muito cuidado e amor para a nossa própria história, pois esta não começa com nosso nascimento, não com o dia em que nascemos, que viemos a este mundo. A nossa história começa com os nossos antepassados. Como tem importância para mim a história do meu pai, da minha mãe, dos meus avós! São quatro avós, mas se olharmos, há os bisavós, tataravós… De onde viemos, quantos nos precederam nessa história e deixaram marcas na nossa vida, no nosso temperamento, no nosso caráter, no nosso jeito de ser, na saúde e nas enfermidades!

Somos a continuação de uma história, somos únicos para Deus! Não existiu outro padre Roger na história, nem existirá depois, mas eu sou a continuação de uma história que lá começou.

Quanto mais eu conheço minha história, quando mais me aprofundo nela, mais Deus pode curar a minha própria vida. Por isso, quando eu conheço meus antepassados, entro na minha própria história de vida.

Eu olho os antepassados de Jesus e vejo que há de tudo: homens santos, virtuosos e bondosos, mas também homens que cometeram pecados graves; há prostitutas, adúlteros e tantos outros. Cristo não ignorou nenhum deles. O evangelista fez questão de mencionar todos eles, e estão todos aqui marcados.

Não podemos ter vergonha da nossa história, não precisamos escondê-la. Precisamos reconhecer, cada vez mais, a nossa própria história, precisamos conhecer de onde viemos para entender melhor para onde iremos, e o que estamos vivendo no momento.

Jesus Cristo nasceu para curar a história da humanidade, e Ele quer curar a nossa humanidade, quer curar a história de todos nós, desde que tenhamos abertura para acolhê-Lo como nosso Salvador e permitir que conosco Ele repasse nossa história, assim como Ele repassou Sua própria história de vida, para que a cura de Deus fosse plena em nós.

Deus abençoe você!


Padre Roger Araújo

Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova. Contato: mailto:padrerogercn@gmail.com – Facebook

Comentários