09 ago 2015

Jesus é o nosso alimento para a vida eterna

Jesus é o nosso alimento para a vida eterna. Quem quem faz de Jesus o alimento principal da sua vida não passa pela morte, tem vida plena e viverá eternamente!

Eu sou o pão vivo descido do céu. Quem comer deste pão viverá eternamente. E o pão que eu darei é a minha carne dada para a vida do mundo (João 6, 51).

 

Pode parecer pouca coisa, mas não é pouca coisa, pelo contrário, é tudo, quando o Senhor nos diz que Ele é o pão da vida. Na palavra “pão” e na palavra “vida” há todo um contexto muito amplo de existência humana. Primeiro porque o pão é o símbolo maior do alimento, da saciedade e das necessidades humanas para sobreviver. Ainda que hoje tenham aparecido outros alimentos mais agradáveis ao paladar, o pão ocupa um lugar central na cultura antiga e é o simbolismo da existência e da vida humana.

Na oração do “Pai Nosso” a segunda parte já nos chama atenção para o “pão nosso”. Pão significa vida e a vida está no pão e no alimento em que comemos. Quem não se alimenta passa fome, perece e aos poucos vai morrendo. Ao passo que, quem sabe se alimentar e se nutrir bem, conserva a vida e não é tomado pela fome.

Jesus nos diz que Ele mesmo é o pão da vida e que Ele alimenta, preenche, sustenta e é a força e o nutriente necessário para que a nossa alma, para que o nosso coração, para que a nosso corpo e a nossa vida sejam plenos. E uma vez que Ele é o pão vivo que desceu do céu, quem come deste pão jamais experimentará a morte, ainda que venhamos a perecer por não ter o que comer – como milhões de pessoas pelo mundo afora perecem pela fome material – quem experimenta, quem se alimenta, quem saboreia e quem faz de Jesus o alimento principal da sua vida não passa pela morte e tem vida plena!

Permita-me dizer ao seu coração: nós precisamos nos alimentar de Jesus a todo momento! Jesus é o pão da Palavra, é o pão da Eucaristia, Jesus é o pão que alimenta a carestia e a carência humana da falta de caridade. Jesus é o pão da vida! Para que a nossa vida seja plena, nós precisamos nos encher, nos inflar e nos inflamar da presença amorosa de Jesus em nós. Por isso nunca é demais nos alimentarmos da Palavra de Deus; nunca é demais nos alimentarmos de Jesus, o pão vivo da Palavra! Nunca é demais nos alimentarmos de Jesus, o pão da Eucaristia viva.

“E o pão que eu darei é a minha carne para a vida do mundo” (João 6, 51). Se está faltando vida em nossa vida, se está faltando vida em plenitude em meio a nós é porque precisamos nos alimentar mais de Jesus! E quando nos referimos à expressão “nos alimentar”, “comer” e “beber” Jesus, algumas pessoas podem apenas reduzir isso a um sentido material, mas é muito mais do que isso. É nos preenchermos e nos enchermos dos sentimentos, dos pensamentos e da vontade do Senhor para a nossa vida.

Que Jesus seja o alimento vivo a alimentar, todos os dias, nossos pensamentos, nosso sentimento e nossa vontade!

Deus abençoe você!


Padre Roger Araújo

Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova. Contato: padrerogercn@gmail.com – Facebook

Comentários

Outubro

51%

Confira a revista deste mês
Pai das Misericórdias

Pedido de Oração

Enviar
  • Aplicativo Liturgia Diária

    Com o aplicativo Liturgia Diária – Canção Nova, você confere as leituras bíblicas diárias e uma reflexão do Evangelho em texto e áudio. E mais: você ainda pode agendar um horário para estudar a palavra por meio do aplicativo.


  • Comentários