05 jan 2014

Deus Pai procura por novos adoradores

Adorar significa reconhecer que não somos nada, mas que Deus, em nós, é tudo!

Quando entraram na casa, viram o menino com Maria, sua mãe. Ajoelharam-se diante dele, e o adoraram” (Mateus 2, 11).

 

Nós hoje celebramos a Epifania do Senhor, para alguns a Festa de Reis, pois celebramos o dia em que aqueles três magos do Oriente saíram e foram ao encontro do Senhor. Foram até Jerusalém, queriam saber quem era o Messias, ou melhor, quem era o Rei dos judeus que acabara de nascer.

O que buscavam aqueles magos? O que buscavam aqueles três homens guiados por uma estrela? Eles buscavam o Rei! Eles buscavam uma luz, eles buscavam uma direção! O fato de eles serem magos nos dá a certeza de que eles eram investigadores, de que eles estudavam, e estudavam muito para conhecer os segredos da Terra, do mar e de todas as coisas. Alguns hoje continuam estes estudos por intermédio da astrologia; e também de outras coisas que não levam a nada, pois algumas pessoas acreditam em horóscopo, algumas pessoas querem saber a sua sorte com a ajuda do zodíaco. Tudo erro, tudo fantasia!

Os magos do Oriente, hoje, nos mostram que é preciso deixar para trás tudo aquilo que é engano e ilusão. E seguir uma única Estrela que há no céu, nos apontando que só existe apenas uma Luz que nos pode salvar. Herodes tentou atrapalhar o caminho desses homens, Herodes tentou atrapalhar o caminho da humanidade ao fingir que, falsamente, iria adorar o Senhor. Mas esses três homens chegaram e encontraram o Menino Jesus deitado em uma manjedoura, com Seu pai e com Sua mãe. Ao virem o Senhor os três reis magos O contemplaram, prostraram-se diante d’Ele e O adoraram .

Quando nós adoramos verdadeiramente a alguém, no sentido pleno e profundo da palavra, significa que não há outro, que não existe outro, somente este é Deus e Senhor, somente Ele merece adoração e prostração; somente Ele nos dá a vida, salvação e libertação. Toda a ciência que estes magos conheciam, naquele momento encontra o sentido pleno na Pessoa de um Menino a quem eles adoram.

O ato de adorar é o gesto místico e religioso mais profundo que existe. Adorar é reconhecer a nossa pequenez, que não somos nada e que o Senhor é tudo! Adorar significa reconhecer a grandeza de Deus e a nossa pequenez. Adorar significa reconhecer que não somos nada, mas que Deus, em nós, é tudo!

Só aqueles que têm humildade de coração, só aqueles que realmente encontram em Deus o refúgio para suas vidas, e que reconhecem n’Ele o Senhor e o Salvador, é que podem adorá-Lo em espírito e verdade. São esses os adoradores pelos quais o Pai procura. E além de Maria e José e os pastores, naquele momento começam a chegar os primeiros adoradores do Senhor: estes três homens que se prostram diante do Senhor para reconhecê-Lo.

Eu e você precisamos ser adoradores somente do Senhor! É hora de abandonarmos ídolos, cultos a pessoas, ídolos do futebol, do rock, da música, ídolos de qualquer espécie! É hora de abandonarmos as fantasias que se criaram em nós por meio de astrologia, de falsas ciências, de falsas filosofias e reconhecer que somente Jesus Cristo é o Senhor da nossa vida.

Adorado, glorificado e exaltado seja o Senhor nosso Deus! Adorado seja o Menino Jesus, Aquele que nasceu para ser o nosso Salvador! O Salvador de toda a humanidade!

Que Deus abençoe você!

 

Comentários