12 jan 2013

Preparemos o caminho do Senhor com humildade

Tudo começou a partir do Batismo de Jesus. Entendemos, dessa forma, que o Senhor só começou Seu ministério após ser batizado, mostrando, assim, a importância de sermos batizados e de batizarmos, como fizeram João Batista e, posteriormente, os discípulos de Jesus, batizando os adultos que se arrependiam de seus pecados.

Mas você pode se perguntar: “Por que Jesus foi batizado se Ele não tinha pecado?”. João também questionou isso e Jesus lhe respondeu: “… deixa por agora, porque assim convém cumprir toda a justiça…” (Mt 3,15). Creio que, ali, o Senhor não deixou margem alguma para alguém argumentar que não se batizaria, porque o Cristo também não havia sido batizado.

No dia seguinte, após o batismo de Jesus, estavam João Batista e dois dos discípulos vendo o Mestre passar. João, então, disse a eles: “Eis o Cordeiro de Deus!” (Jo 1,36).

O Evangelho de João realça a íntima relação entre os ministérios de João Batista e de Jesus. Após ser batizado por João, Jesus reúne Seus primeiros discípulos: André, Pedro, Filipe, Natanael, dentre os discípulos de João Batista. Com eles, segundo este Evangelho, Jesus inicia Seu ministério na região da Judeia. Os discípulos do Batista vêm a ele comunicar este fato. João reconhece a graça presente em Jesus e dá testemunho da Sua autenticidade. Ele tem consciência de que veio para preparar o caminho do Senhor, e não para se constituir um obstáculo.

André – um dos dois que estavam com João Batista – chama agora Simão, seu irmão, e lhe diz ter encontrado o Messias.

Como fez João Batista devemos sempre apresentar Jesus àqueles que ainda não O conhecem, pois os dois discípulos esperavam por aquele momento e, logo, seguiram o Mestre. Quantos estão nesta situação, apenas esperando-nos apresentar-lhes Jesus?

Eles queriam conhecer melhor o Senhor, saber onde Ele morava. Temos de ter essa sede de conhecê-Lo, pois a Palavra nos diz: “Conheçamos e prossigamos em conhecer ao Senhor” (Os 6,3). Jesus os aceitou e nos aceita também. Foi Ele quem nos escolheu e não nós a Ele.

Jesus chamou Simão pelo nome, testificando o poder que havia n’Ele. Cristo também conhece a você pelo nome. Ele mudou o nome de Simão para Pedro, mas, ainda que Ele não mude o seu nome, Ele faz de você uma nova criatura.

Aliás, o autêntico missionário é aquele que, com humildade, prepara o caminho e, depois, alegra-se ao perceber a ação de Deus na comunidade pelos carismas ali manifestados pelas iniciativas de seus membros.

Padre Bantu Mendonça


Padre Roger Araújo

Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova.

https://www.facebook.com/pe.rogeraraujo/?fref=ts

Comentários

Outubro

53%

Confira a revista deste mês
Pai das Misericórdias

Pedido de Oração

Enviar
  • Aplicativo Liturgia Diária

    Com o aplicativo Liturgia Diária – Canção Nova, você confere as leituras bíblicas diárias e uma reflexão do Evangelho em texto e áudio. E mais: você ainda pode agendar um horário para estudar a palavra por meio do aplicativo.


  • Comentários