17 Jun 2017

Aprendamos a ser pessoas autênticas

A nossa vivência e convivência com o Senhor é para aprendermos a ser pessoas autênticas

“Seja o vosso ‘sim’: ‘sim’, e o vosso ‘não’: ‘não’. Tudo o que for além disso vem do Maligno” (Mateus 5,37).

É tão difícil ser autêntico, mas tão necessário! Nada é mais puro, divino e sublime do que uma pessoa ser autêntica. A autenticidade de uma pessoa se mede por aquilo que ela fala, e a fala é consequência daquilo que a pessoa tem dentro de si, ou seja, se ela tem dentro de si coisas confusas, ela também vai falar coisas de forma confusa.

O problema não é só a questão de falar coisas confusas, o problema é a pessoa ter mais de uma palavra, ter duas, três, quatro… Precisamos ter uma palavra só. É necessário que o nosso sim seja sim, que o nosso não seja não. Eu não posso ser sim para um e não para outro. Sim nessa ocasião e não em outra ocasião.

Quem dera alguém dizer: “Ele tem duas caras”; às vezes, não são somente duas, mas três, quatro… Para cada situação, eu tenho uma forma de dizer a coisa. Por quê? Porque queremos agradar, queremos ser convenientes com as situações. E a tal da conveniência pela conveniência tira a nossa autenticidade de vida.

Ser autêntico quer dizer ter uma palavra, uma convicção; e isso não quer dizer que não podemos mudar de opinião, que não podemos amadurecer a nossa reflexão. É claro que podemos e devemos mudar de opinião, inclusive, isso é humildade, é divino, é de Deus.

Deus vai mudando nossas convicções em nosso coração, em nosso interior. Achamos que deveria ser assim, mas Deus nos ilumina e mostra que devemos mudar e nos converter. Isso é autenticidade.

Não posso ser uma coisa em casa e ser outra no trabalho; não posso, na frente de algumas pessoas, dizer uma coisa, mas para outros eu negar, porque isso é dubiedade de comportamento, isso é falsidade. O Evangelho, a nossa vivência e convivência com o Senhor é para aprendermos a ser pessoas autênticas, verdadeiras e coerentes. Deus espera que tenhamos coerência no nosso comportamento, com as nossas palavras.

Que a nossa coerência seja fruto do nosso relacionamento íntimo, sincero e verdadeiro com Nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo.

Deus abençoe você!


Padre Roger Araújo

Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova. Contato: padrerogercn@gmail.com – Facebook

Dezembro

31%

Confira a revista deste mês
Pai das Misericórdias

Pedido de Oração

Enviar
  • Aplicativo Liturgia Diária

    Com o aplicativo Liturgia Diária – Canção Nova, você confere as leituras bíblicas diárias e uma reflexão do Evangelho em texto e áudio. E mais: você ainda pode agendar um horário para estudar a palavra por meio do aplicativo.