12 set 2015

A semente do Evangelho frutifica bons frutos em nosso coração

Não podemos deixar que decepções, mágoas, desentendimentos, coisas que não deram certo, estraguem o bom tesouro do nosso coração!

O homem bom tira coisas boas do bom tesouro do seu coração. Mas o homem mau tira coisas más do seu mau tesouro, pois sua boca fala do que o coração está cheio” (Lucas 6, 45).

O nosso coração é o mais importante tesouro que temos dentro de nós. Mas, é verdade, como nos diz a Palavra de Deus, que existe o bom tesouro e o mau tesouro. O coração é um bom tesouro. Porém, que espécie de tesouro nós cultivamos e guardamos nesse coração? Esta é a questão que Jesus hoje levanta para nós.

Não é possível tirar frutos bons de uma árvore má, como também não dá para tirar frutos ruins, estragados, maus de uma árvore que é boa. Está aí a necessidade da árvore produzir bons frutos, que vem da boa semente.

Por isso, é necessário cuidar daquilo que cultivamos dentro do nosso coração! Porque, aquilo que vai dentro do nosso coração é o que iremos retirar para dar aos outros, para nos saciar e para saciar quem vem à nossa frente.

Às vezes, sentamos para conversar com uma pessoa e sai tanta coisa boa daquela boca, daquele coração. Ela não é uma pessoa erudita. Como tem tanta coisa boa guardada dentro dela? Ela cultivou bondade, perdão, superação; cultivou coisas boas dentro de si, de modo que quando abre a boca edifica com o que fala.

Desculpe-me dizer, existem tantas pessoas muito bonitas, muito sábias, eruditas, conhecedoras disso e daquilo. Mas quando esta pessoa abre a boca quantas coisas ruins saem de dentro daquela boca; quanta amargura, quanta irritação, quanto ressentimento, quanta mágoa, quantas coisas negativas e azedume. E não é o ‘azedume circunstancial’; é azedume totalmente cultivado, guardado dentro do seu coração, coisas que se estragaram dentro daquele pobre coração, porque não se retirou.

É verdade que uma árvore boa, que foi bem cuidada, os seus frutos serão maravilhosos, mas pode ser que por uma inclinação, que por alguma falta de cuidado, algum fruto estrague, apodreça. Então, repare, corte, tire! O que não pode é deixar aquele fruto mau contaminar o caule, a raiz, porque senão toda a árvore será estragada.

Do mesmo modo, dentro do nosso coração, não podemos deixar que decepções, mágoas, desentendimentos, coisas que não deram certo, estraguem o bom tesouro do nosso coração! Com toda a exatidão da palavra, o nosso coração precisa ser um bom tesouro! Porque, aquilo que falamos é o que está dentro de nós e de dentro de nós tem que sair o melhor, tem que sair o que vai edificar, o que vai construir!

É tão ruim quando de uma boca sai tanto ‘palavrão’, sai tanta coisa negativa, sai tanta coisa que arrasa com a nossa alma e com o nosso coração.

Seguidores de Jesus Cristo, ouvindo a Boa Nova do Senhor, que ela venha talhar o nosso coração e tirar aquilo que está velho, estragado dentro de nós e que não serve para nada. Que a boa semente do Evangelho cresça em nosso coração e frutifique bons frutos. Nada de frutos estragados, precisamos levar frutos bons e produzir excelentes frutos onde quer que estejamos!

Deus abençoe você!


Padre Roger Araújo

Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova. Contato: padrerogercn@gmail.com – Facebook

Comentários

Outubro

51%

Confira a revista deste mês
Pai das Misericórdias

Pedido de Oração

Enviar
  • Aplicativo Liturgia Diária

    Com o aplicativo Liturgia Diária – Canção Nova, você confere as leituras bíblicas diárias e uma reflexão do Evangelho em texto e áudio. E mais: você ainda pode agendar um horário para estudar a palavra por meio do aplicativo.


  • Comentários