26 out 2014

Que lugar Deus ocupa em sua vida?

Que lugar Deus ocupa em sua vida? Qual é o lugar que Deus ocupa nos seus pensamentos? Nos seus sentimentos? Nas suas atitudes? Nas suas palavras e decisões? 

“Amarás o Senhor teu Deus de todo o teu coração, de toda a tua alma, de todo o teu entendimento!” (Mateus 22, 37).

Irmãos e irmãs no Senhor, nós hoje ouvimos de Nosso Senhor Jesus Cristo qual é o maior mandamento da Lei de Deus. Nós já podemos ter ouvido de outras maneiras que “amar a Deus sobre todas as coisas e o próximo como a si mesmo” é o resumo dos mandamentos. Mas aqui, nesta reflexão, não é simplesmente o sentido de compreendermos a síntese dos mandamentos ou colocarmos por escrito o que eles significam, mas sim de entendermos de que modo a nossa vida deve ser orientada, dirigida e guiada. Primeiro, acima de qualquer coisa, ela deve estar guiada pelo amor ao Nosso Deus, que deve ser a matriz que conduz tudo aquilo que fazemos, somos e vivemos!

Amar a Deus com todo o nosso coração, com toda a nossa alma, com todo o nosso entendimento e com nossas capacidades é a melhor das coisas que podemos fazer! Não podemos amar a ninguém mais do que a Deus; não podemos amar qualquer coisa, qualquer situação mais do que a Ele. Nenhum amor pode ser mais alto em nossa vida do que o amor ao Senhor.

Deus em primeiro lugar! É a primazia de Deus em nossa vida, a opção daquele que se converteu ao Senhor é fazer d’Ele a razão de sua vida e da sua existência. Você mesmo pode se questionar: Qual é o lugar que Deus ocupa nos meus pensamentos? Nos meus sentimentos? Nas minhas atitudes? Nas minhas palavras e decisões? Que lugar Deus ocupa em minha vida?

Ao olhar para a sua vida, para tudo aquilo que você faz, pergunte-se: “Eu honro a Deus com a minha vida? Eu tenho tempo para Ele? Eu tenho tempo para rezar? Para escutar o Senhor? Para me colocar em Sua presença? Para me alimentar da Sua Palavra? Para ser iluminado pelo Seu santo entendimento? Eu me permito ser por Ele lavado e purificado dos meus pecados?”

Quando amamos a Deus sobre todas as coisas, Ele nos ensina a amar o nosso próximo como a nós mesmos. Por isso precisamos querer bem a nós mesmos, precisamos nos valorizar e nos respeitar. Precisamos ser os primeiros a nos reconhecer como pessoa e como filhos de Deus.

Não é nenhum egoísmo se amar! Você não vai amar ninguém de verdade enquanto não amar a si mesmo! Se você se ama com equilíbrio, com cuidado e com respeito, também terá os mesmos sentimentos para amar o seu próximo e o seu semelhante. Ninguém vai querer mal a si mesmo se tiver juízo, assim como você não vai querer mal a si mesmo, não vai querer mal ao próximo. Assim como você não vai desejar que lhe façam mal, você também não vai  fazer o mal ao próximo.

A medida do nosso amor ao próximo é saber dosar o nosso amor próprio. Colocando Deus sobre todas as coisas e sabendo cuidar de nós mesmos daremos o nosso melhor ao nosso próximo.

Deus abençoe você!

Comentários

comentário(s)

↑ topo